Coimbra  22 de Novembro de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

António Barreiros

Páscoa da Ressurreição

29 de Março 2018

A Páscoa deve ser entendida como a Festa das Alegrias e da Comunhão da Vida.

Este tempo próximo, o da Morte e da Paixão, deveria servir para cada um, em silêncio, seja interior ou exterior, avaliar o seu caminho. Crente ou não, todos cumprimos etapas, peregrinando.

Este tempo depois do próximo, mas logo seguinte, o da Ressurreição de Jesus, o que veio para libertar o seu povo, tem de ser o da Esperança e da Luz.

O primeiro momento, é o da peregrinação, rumo ao calvário, o que representa, também, as nossas vidas. Com um traço de caminho, com quedas e com a vontade, aqui e ali, de nos reerguermos.

O segundo, é o da luta e da vitória da Vida sobre a Morte, a libertação de tudo quanto nos pesou, nos tentou destruir, nos magoou, nos foi moendo, nos incapacitou, nos tornou cobardes, nos resguardou, nos envaideceu, nos fez deixar de sermos nós, com a humildade própria de quem deve saber estar para ser e de quem tem, também, de servir.

Deixarmos o ter para conseguirmos ser. Sermos mais humanos, mais interventores, mais justos, mais servos, mais amor, mais afectos, mais sorrisos, mais voz de união, mais misericórdia, mais solidários, mais mão que estende e dá, mais fraternos e mais testemunho da palavra viva do nosso Redentor e Senhor.

Mas servir com honra, com lucidez, com justiça, com actos crédulos, com atitudes prestigiadas e com palavras reconfortantes que possam dar dignidade aos mais desfalecidos, deserdados, aos mais apoquentados, aos que passam horas de martírio e de sofrimento, e aos que são vítimas das acções dos poderes que nos querem mais escravos e menos pessoas.

A Páscoa é, ainda, Redenção.

Redimirmo-nos de tudo quanto fizemos de menos bem. Libertarmo-nos de passados que nos sacudiram e assustaram o coração. Reabilitarmo-nos para uma nova etapa de vida. Lavarmos a alma. Robustecendo-a para uma nova etapa de Vida.

A Luz da Ressurreição convida-nos a iluminar os nossos caminhos.

Que esta Páscoa nos liberte e nos traga uma Saudação de Vida e de Novas Esperanças de Caminhos futuros, são os meus sinceros votos para todos os leitores, alicerçados na fraternidade humana.

 

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com