Coimbra  24 de Setembro de 2020 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Fausto Carvalho

A nossa mensagem num aniversário inédito

19 de Junho 2020

Fausto Martins de Carvalho, presidente da Direcção

 

No ano que corre, 2020, comemora-se o centésimo segundo aniversário da constituição da A.C.E. De Coimbra, criada institucionalmente no dia 20 de Junho de 1918.

A A.C.E. de Coimbra tomou a designação de A.C.M. de Coimbra, em 1955, mas com o reconhecimento ministerial, apenas, em 1959.

A A.C.M. de Coimbra é uma Associação de Utilidade Pública, privada e sem fins lucrativos, de carácter formativo da juventude e visa “a promoção do desenvolvimento intelectual, espiritual e físico dos jovens e do bem geral dos seus Associados”.

Estruturalmente a intervenção das suas diversas áreas desportivas, culturais e de educação física sempre foi e é desencadeada e desenvolvida no quadro da sua relação íntima com os Associados e proximidade com a Comunidade em que esta inserida, assente e defendendo-as, em princípios e valores de cunha fortemente Humanista no cumprimento e concretização dos programas de índole social, cultural e desportivo, em que se empenha.

São 102 anos ininterruptos de dedicação e afirmação para com a sociedade onde surgiu como inovadora, em Coimbra, de meios até então inexistentes ou de muito difícil acesso a generalidade da população ou a estratos sociais deles necessitados e introdutora de novas práticas, essencialmente desportivas.

Incluímos nos primeiros a criação de uma Biblioteca, sala de Estudo, sala de Música, sala de Convívio, Bar, Ginásio, Campo de Jogos e balneários que serviram por vários anos a cidade. Nos segundos, a introdução, em Coimbra, do Basquetebol, Voleibol, Natação, Ping-Pong (Ténis de Mesa), Badminton e o ‘Footbolymca’, e o apoio e acolhimento das suas estruturas associativas.

Foi assim, com muita dinâmica, participação, empenho e dedicação de grandes e ilustres figuras da cultura, do desporto, da política e da intervenção social, ao longo destes anos.

Hoje, neste ano do centésimo segundo aniversário, continuamos a missão que nos legaram os que nos antecederam e, em especial, nos permitiram, em 1918, dar corpo e prosseguir este ‘Movimento Humanista’ que projectámos para o Campo da Educação Cívica, num empreendimento de grande esforço e dedicação, mas que nos preenche espiritualmente, na convicção de que este é o caminho certo na ajuda e colaboração na formação cívica do homem de amanha, que é o jovem de hoje.

O momento que vivemos de grandes contrariedades e muitas dificuldades geradas pelas fortes restrições sociais impostas pela covid-19, impede o regular funcionamento das nossas actividades e altera os métodos e mecanismo de gestão, cerceando as capacidades de intervenção dos agentes acemistas, sempre disponíveis para superar, apesar disso, a problemática decorrente.

Não é possível, neste ano de 2020, concretizar qualquer programa idealizado para as comemorações do 102.º aniversário da ACM de Coimbra, mas não podemos, nem queremos esquecer o momento numa homenagem sentida aos Homens que geraram e criaram a A.C.E. de Coimbra e a todos quantos prosseguiram os ideais e valores que lhe são subjacentes assumidos integralmente pela A.C.M. de Coimbra. Celebramos a data da criação da A.C.E./A.C.M. de Coimbra com esta mensagem de reconhecimento aos Associados e à Comunidade Coimbra, Entidades Públicas e Privadas e a Todos com quem partilhamos a nossa vivência acemista e associativa, neste forçado inédito aniversário.

Nesta Mensagem, de 20 de Junho de 2020, incluímos o desejo de muita saúde, a Esperança que nos acode, de melhores tempos e muitos sucessos e expressamos com muita Fraternidade os nossos cumprimentos afectuosos e as mais cordiais saudações acemistas.