Coimbra  5 de Março de 2024 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Unidade Local de Saúde de Coimbra anuncia bolsa para profissionais de saúde

10 de Janeiro 2024 Jornal Campeão: Unidade Local de Saúde de Coimbra anuncia bolsa para profissionais de saúde

A Unidade Local de Saúde (ULS) de Coimbra introduziu o Programa Integrar+, uma iniciativa destinada a promover a colaboração e integração entre os diversos níveis de cuidados de saúde, como resposta à reforma em curso nas Unidades Locais de Saúde. O objectivo é estabelecer uma nova cultura de colaboração centrada no doente desde o início da ULS.

No contexto da reforma das ULS, que pretende fortalecer a ligação entre hospitais e centros de saúde, a ULS Coimbra anunciou a abertura de candidaturas para a bolsa do Programa Integrar+. A iniciativa tenciona apoiar e incentivar a participação activa dos profissionais de saúde na transição para uma prestação de cuidados mais integrada.

O Programa Integrar+ irá procurar ideias inovadoras dos profissionais de saúde que lidam diariamente com os pacientes. Alexandre Lourenço, presidente do Conselho de Administração da ULS Coimbra, destaca a importância de explorar novas abordagens que impulsionem a integração de cuidados centrados no doente.

As equipas interessadas em candidatar-se à bolsa devem abordar o desafio proposto: “Como criar percursos integrados na ULS?”. Composta por elementos hospitalares e de cuidados de saúde primários, cada equipa terá a oportunidade de apresentar propostas que fortaleçam a colaboração entre profissionais e serviços, promovendo a construção de projectos integrados na ULS.

As candidaturas para o Programa Integrar+ estão abertas até 9 de Fevereiro. Após esta fase, as dez melhores propostas participarão numa formação de diagnóstico da jornada do doente e identificação de oportunidades de melhoria. Os dois melhores projectos seleccionados receberão apoio e consultoria da nobox na implementação prática.

Diogo Silva, co-fundador da nobox e médico especialista em Saúde Pública, enfatiza a importância de ouvir os profissionais de saúde, permitindo-lhes identificar e abordar as ineficiências do sistema.