Coimbra  17 de Outubro de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

UF de São Martinho e Ribeira de Frades volta a premiar os bons alunos

31 de Dezembro 2018

O executivo da União de Freguesias de São Martinho e Ribeira de Frades voltou, na passada semana, a premiar o mérito de 3 estudantes que alcançaram bons resultados no ano lectivo 2017/2018.

Os estudantes, desde o 1.º ciclo até ao 12.º, receberam um valor pecuniário simbólico, bem como uma medalha da UF, distinguindo o seu bom trabalho na escola.

Esta é já a quinta edição da iniciativa, que contudo teve início há mais de uma década na outrora Junta de Freguesia da Ribeira de Frades. Hoje, a atribuição destas distinções é feita a todos os melhores alunos residentes da UF (São Martinho e Ribeira de Frades), que se candidatem ao prémio.

“Esta é uma opção que fazemos todos os anos, até porque se os alunos são distinguidos nas escolas, também teriam de o ser aqui”, explicou Jorge Veloso, presidente da UF, salientando a importância destes prémios para incentivar os estudantes a fazerem mais e melhor.

O que se pretende é, por isso, “premiar o mérito” e sente-se que “alunos, professores e familiares ficam felizes” com esta homenagem.

No total foram entregues prémios a 33 estudantes: do 1.º ciclo sete alunos receberam 50 euros; no 2.º ciclo foram 13 os estudantes que ficaram com 75 euros; o 3.º ciclo teve sete alunos a receber 125 euros e, por fim, no 12.º ano foram seis os estudantes a quem foi entregue 200 euros. Nota para duas alunas do 12.º que são repetentes neste prémio desde o primeiro ciclo.

O executivo aproveitou a ocasião para entregar o prémio do vencedor do Orçamento Participativo à Plataforma de Apoio a Jovens Ex-Acolhidos (PAJE).

Na cerimónia marcou, ainda, presença o vereador da Educação, Jorge Alves, que destacou a opção de a UF destinar parte do seu orçamento para esta iniciativa, “premiando o esforço de alunos, pais e professores”e “promovendo o sucesso educativo”, uma estratégica que, assumiu o autarca, é também a da Câmara Municipal.

Depois de parabenizar o executivo e os homenageados, Jorge Alves deixou, ainda, a garantia de algumas medidas em matéria de educação para a UF. Desde logo, com a conclusão das obras de requalificação da Escola Primária dos Casais até final deste ano lectivo.

Para a escola do Espírito Santo ficou, também, prometida uma intervenção, nomeadamente ao nível das casas de banho, do parque infantil e refeitório, um projecto em fase de elaboração e que Jorge Alves espera poder incluir no orçamento de 2020. Foi, também, referida a necessária 2.ª intervenção da intervenção na escola de São Martinho do Bispo, um projecto que “já está feito”, no sentido de “retirar o contentor que se encontra na parte de trás da escola e a renovação das casas de banho”.

Para os próximo anos, Jorge Alves sabe que existem desafios para a autarquia conimbricense, que, contudo, quer continuar “a investir na educação”, tendo já dado alguns passos nesse sentido com a refeições e passes gratuitos, que esperam poder alargar aos vários graus de ensino.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com