Coimbra  28 de Julho de 2021 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

UF de Coimbra quer reposição das estátuas “Guitarra de Coimbra” e da “Tricana”

15 de Junho 2021 Jornal Campeão: UF de Coimbra quer reposição das estátuas “Guitarra de Coimbra” e da “Tricana”

O presidente da Junta da União de Freguesias de Coimbra reafirma, em carta dirigida aos Serviços da Câmara, que duas estátuas sejam “recolocadas no mesmo sítio onde estavam”.

Numa resposta ao director do Departamento de Espaço Público Mobilidade e Trânsito da Câmara Municipal de Coimbra, o autarca João Francisco Campos reafirma que quer as estátuas “Guitarra de Coimbra” e da “Tricana” “exactamente no local onde estavam, já que não há qualquer motivo para que tal não aconteça”.

O presidente da UF de Coimbra cita um email recebido da vereadora Carina Gomes, onde esta referia, em 19 de Junho de 2020, que “informou, a destempo, que tinha que retirar as estátuas por ir decorrer uma intervenção na zona”, entre o Arco de Almedina e o Largo da Sé Velha.

“Curiosamente só agora, passado um ano, verificamos que efectivamente estão a decorrer as referidas obras, tendo sido retirada uma das estátuas, sem nossa autorização, de forma extemporânea e sem qualquer motivo, um ano antes das mesmas, servindo, actualmente, o espaço onde estava, até, para estacionamento de automóveis. É caso para pensar que alguém ou mentiu ou não sabe o que anda a fazer, o que é grave” – refere Francisco Campos.

O autarca declara que “se as estátuas, propriedade da União das Freguesias de Coimbra e do povo de Coimbra, não retornarem aos seus legítimos espaços, esta União de Freguesias seguirá todas as vias, legais, contra os autores e co-autores do acto”