Coimbra  22 de Setembro de 2020 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

UC: Ernesto Costa pretende ser reitor “da mudança”

14 de Novembro 2018 Jornal Campeão: UC: Ernesto Costa pretende ser reitor “da mudança”

O “actual momento” da Universidade de Coimbra requer “um compromisso de mudança”, considerou, hoje, Ernesto Jorge Costa ao perfilar-se para reitor.

A candidatura daquele catedrático do Departamento de Engenharia Informática da FCTUC junta-se às de Amílcar Falcão e José Pedro Paiva.

“Não poderia, por isso, ficar indiferente à obrigação de apresentar um projecto que represente uma alternativa”, prossegue Ernesto Costa.

Para Ernesto Jorge, a UC “precisa, urgentemente, de adoptar uma estratégia arrojada e diferenciadora”, a qual, “em estreita ligação com a cidade e a região”, a habilite no sentido de “aparecer à sociedade como um polo de investigação de renome mundial”.

“A mudança” por ele reivindicada, e com a qual se compromete, “começa com a alteração do relacionamento entre o governo da Universidade e os seus membros, consubstanciada numa lógica de diálogo”, capaz de “reconhecer a dimensão estratégica da investigação e a necessidade da sua coordenação efectiva”.

Segundo o candidato, a UC necessita de “retomar o seu papel de interveniente nos grandes debates do nosso tempo através do exercício do pensamento crítico”.

“A Universidade de Coimbra não pode ser a das oportunidades perdidas; possui uma História e um património ricos, de que somos herdeiros e que temos obrigação de defender e valorizar”, acentua.

Co-fundador e primeiro presidente eleito do Departamento de Engenharia Informática da Universidade de Coimbra, Ernesto Jorge foi reitor da Universidade Independente (1994 – 96) e, no plano ideológico, posiciona-se à Esquerda de Amílcar Falcão (vice-reitor cessante da UC) e José Pedro Paiva (director da Faculdade de Letras).

O prazo para apresentação de candidaturas encerra a 07 de Janeiro [de 2019] e a eleição do(a) sucessor(a) de João Gabriel ocorre a 11 de Fevereiro.