Coimbra  29 de Janeiro de 2020 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

UC com conferência sobre os desafios da física médica no cancro

11 de Dezembro 2019

O ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor, fará o discurso de encerramento da conferência “New Challenges in Medical Physics”, promovida pelo programa UT Austin Portugal, e que vai decorrer na Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra (FMUC), amanhã (12) e sexta-feira (13).

O evento vai ter lugar no auditório da Subunidade 3 do Polo das Ciências da Saúde (Polo III) da UC, contando com a presença de mais de 150 especialistas nacionais e internacionais, incluindo investigadores do MD Anderson Cancer Center (MDACC) da Universidade do Texas (EUA) – conceituado centro de investigação na área do cancro (com recurso a técnicas inovadoras, nomeadamente terapia de protões).

O ministro fará o discurso de encerramento do primeiro dia de debate, amanhã (12), pelas 16h30.

“O objectivo da iniciativa – que tem coordenação científica da FMUC e dos seus Instituto para Investigação Clínica e Biomédica de Coimbra (iCBR) e Centro de Investigação em Meio Ambiente, Genética e Oncobiologia (CIMAGO) – é reunir médicos, engenheiros biomédicos, físicos, enfermeiros, técnicos de imagiologia médica, de radioterapia, investigadores e estudantes destas áreas, para debater os novos desafios na área da física médica e identificar novas oportunidades de colaboração entre o MDACC e os centros de investigação nacionais que actuam na área do cancro”, revela a UC.

Para além de investigadores de instituições portuguesas, vão estar também profissionais do MD Anderson Cancer Center e do German Cancer Research Center [da Alemanha], para discutirmos as tendências actuais e promover o intercâmbio de conhecimentos em física médica, nomeadamente em abordagens inovadoras de radioterapia, terapia com radionuclídeos e terapia com protões”, sublinha Maria Filomena Botelho, professora catedrática e investigadora da FMUC e do iCBR/CIMAGO.

A cerimónia de abertura da conferência “New Challenges in Medical Physics” tem lugar às 10h30 de amanhã, com as intervenções do director da FMUC, do co-director nacional do Programa UT Austin Portugal, Rui Oliveira; da presidente do Instituto Portugal de Oncologia de Coimbra – Francisco Gentil, Margarida Ornelas; da presidente da Agência de Investigação Clínica e Inovação Biomédica, Catarina Resende Oliveira; e de Maria Filomena Botelho.

O programa completo do evento pode ser consultado em https://utaustinportugal.org/events/new-challenges-in-medical-physics/.

Iniciado em 2007 (e, entretanto, renovado até 2030), o Programa UT Austin Portugal é uma parceria entre a Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT) e a Universidade do Texas em Austin (UT Austin), apoiada pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior.

A física médica é uma das cinco áreas de actuação do Programa UT Austin Portugal, que pretende promover o estabelecimento de parcerias conjuntas entre a Dell Medical School de UT Austin, a Cockrell School of Engineering, o MD Anderson Cancer Center da UT e grupos de investigação portugueses, em matéria de terapias oncológicas com radiação incluindo protões.

Alinhada com a estratégia nacional para o desenvolvimento de terapias com feixes de partículas de alta energia para tratamento do cancro, esta iniciativa pretende aumentar a formação avançada de especialistas em radiologia oncológica.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com