Coimbra  16 de Outubro de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Turismo propõe oito roteiros para “road trips” no Centro de Portugal

29 de Julho 2019

A Turismo Centro Portugal apresentou hoje, em Aveiro, oito roteiros turísticos da região, um por cada comunidade intermunicipal, sob o lema “Road Trips Centro de Portugal – 1 é bom, 2 é óptimo, 3 nunca é demais”.

Quem, este Verão ou nas próximas estações, queira conhecer a região Centro do país tem, agora, pequenos livros em papel, com informações preciosas sobre o território dos 100 municípios que integram a Entidade Regional Turismo Centro.

Os roteiros integram os “produtos turísticos mais distintivos das oito Comunidades Intermunicipais (CIM), atracções obrigatórias, iguarias tradicionais ou melhor local para captar fotografias, mas igualmente recursos exclusivos e transversais, como o Património Mundial do Centro.”, como foi hoje explicado pelos responsáveis da Turismo do Centro.

Não faltam, também, as preocupações com a sustentabilidade, acessibilidade e usabilidade, através da inclusão de informações práticas sobre como usufruir de experiências mais sustentáveis para os territórios e menos impactantes para o ambiente.

Os roteiros abrangem a Ria de Aveiro, região de Coimbra, região de Leiria, Oeste, Médio Tejo, Beira Baixa, Serra da Estrela e Viseu Dão Lafões. Em conjunto, os 16 000 exemplares que serão colocados nos postos de turismo da região Centro representaram um investimento de 11 000 euros (mais IVA), suportados por fundos comunitários.

A ideia foi “recuperar o conceito de viajar de carro, a dois, em família ou entre amigos, desafiando os turistas a explorar e descobrir os oito destinos da região”.

“Estes ‘Road Trips’ resultam de um trabalho de articulação da estratégia de promoção e comunicação da Entidade Regional Turismo Centro de Portugal para os produtos turísticos integrados das CIM do Centro”, disse o presidente da Turismo Centro, Pedro Machado, referindo a importância dos roteiros para a coesão territorial.

O responsável salientou, ainda, o carácter pioneiro da colaboração com a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC) na elaboração de uma estratégia turística na região, tendo como interlocutor privilegiado as Comunidades Intermunicipais.

Um bom exemplo dessa maneira de actuar foi a recente apresentação do livro “Património da Humanidade do Centro de Portugal”, sobre os mosteiros de Alcobaça e Batalha, a Universidade de Coimbra-Alta e Sofia e o Convento de Cristo, lugares que são Património da Humanidade.

A presidente da CCDRC, Ana Abrunhosa, reconheceu o papel da Turismo do Centro na elaboração da estratégia turística para a região, que privilegia as CIM, parabenizando o trabalho que “parece fácil, mas deu muito trabalho”.

Ana Abrunhosa confirmou que espera contar com a colaboração da Turismo do Centro para apurar as prioridades turísticas do próximo quadro comunitário de apoio.

Os roteiros em papel serão agora distribuídos pelos postos de turismo e, em breve, deverá haver uma versão digital.

“As Comunidades Municipais são a vedeta da festa”, referiu o presidente da Câmara de Aveiro, Ribau Esteves, que é também presidente da CIM Aveiro.

 

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com