Coimbra  22 de Setembro de 2020 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Teatro Nacional São João regressa aos palcos a 6 de Agosto

17 de Julho 2020 Jornal Campeão: Teatro Nacional São João regressa aos palcos a 6 de Agosto

O Teatro Nacional São João (TNSJ) regressa aos palcos a 6 de Agosto com 15 estreias, 3 produções próprias e 4 produções internacionais. Em comunicado, o TNSJ adianta que a nova temporada traz ainda um elogio aos directores artísticos Nuno Cardoso, Nuno Carinhas e Ricardo Pais, “que passaram pelo TNSJ e deixaram um contributo importante para a história e desenvolvimento do teatro na cidade do Porto e no país”.

A programação arranca com a estreia de “O Burguês Fidalgo”, no Teatro Carlos Alberto, uma coprodução da companhia portuense Teatro da Palminha Dentada e do TNSJ, que vai estar em cena até dia 23 de Agosto. Segue-se a peça “Castro”, de António Ferreira, uma coprodução própria que fica em cena entre os dias 20 de Agosto e 12 de Setembro, “seguindo depois para uma temporada em digressão pelo país”, refere o TNSJ.

Entre os 27 espectáculos reagendados, encontra-se ainda a “Comédia de Bastidores”, de Alan Ayckbourn, em cena de 1 a 11 de Outubro. Mais para o final do ano, entre os dias 3 e 5 de Dezembro, vai estar em cena a peça “talvez? Monsanto”, de Ricardo Pais, um espectáculo que conta com a actriz Luísa Cruz e o fadista Miguel Xavier.

“Nesta nova temporada, o TNSJ reforça ainda a aposta no projecto educativo do teatro, com espectáculos, leituras, oficinas ou acções de formação”, pode ler-se no comunicado.

Todas estas actividades vão ocorrer de acordo com as medidas de contingência adoptadas para o combate à pandemia COVID-19.

Este plano de contingência pressupõe “a desinfecção rigorosa das salas e espaços comuns, através de técnicas de nebulização com recurso a solução desinfectante;  a redução da capacidade das salas para 200 pessoas no TNSJ e 100 pessoas no TeCA; a criação de sinalética que permite manter o distanciamento social; a disponibilização de gel desinfectante; a desinfecção das instalações sanitárias e o uso obrigatório, para o público e toda a equipa, de máscara”, pode ler-se no comunicado.

Além disso, “os elencos de actores e intérpretes serão testados à Covid-19, antes do início do período de ensaios, e a equipa do TNSJ foi já submetida a testes serológicos”, sublinha ainda o TNSJ.