Coimbra  16 de Outubro de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Tábua: Detido por suspeitas da prática de sequestro e violação

26 de Julho 2019

A Polícia Judiciária (PJ), através da Directoria do Centro, anunciou, hoje, que deteve, na vila de Tábua, um homem, pela suspeita de crimes de sequestro e violação de uma mulher de 29 anos.

Segundo a PJ, a detenção ocorreu no decurso de uma investigação relativa ao apuramento das circunstâncias em que ocorreu a prática de um crime de sequestro agravado e de um crime de violação, crimes cometidos no início desta semana e denunciados pela vítima.

“Após pedir auxílio na via pública, a vítima foi conduzida ao Posto da GNR de Tábua, apresentando lesões que evidenciavam ter sido alvo de violentas agressões físicas”, refere a PJ.

Das diligências desenvolvidas de imediato pela Polícia Judiciária, resultou a identificação, localização e detenção do suspeito.

O detido, com 35 anos de idade, desempregado, já com antecedentes criminais, foi presente a primeiro interrogatório judicial, sendo-lhe aplicada a medida de coacção de prisão preventiva.

A mulher e o presumível agressor tinham-se conhecido através de uma rede social e entre eles “não havia uma relação afectiva”, disse à agência Lusa uma fonte policial.

O homem convidou a vítima “a passar uns dias em sua casa”, no concelho de Tábua, onde acabou por acontecer “uma história bastante violenta”, no início da semana, acrescentou.

Ao aperceberem-se de algo anómalo na casa do lado, alguns vizinhos alertaram a GNR. No entanto, os agentes “acabaram por ir embora”, pois nada ouviram no interior da habitação onde, alegadamente, sob ameaça de uma arma branca, a mulher foi obrigada a manter-se em silêncio, de acordo com o relato da polícia.

Durante a noite, “foi coagida a ter relações sexuais” com o agressor, mas conseguiu mais tarde fugir e pedir ajuda, após ter sido forçada a limpar a casa, incluindo o sangue e outros vestígios da violência a que foi submetida, descreveu ainda a mesma fonte.

“Após pedir auxílio na via pública, a vítima foi conduzida ao posto da GNR de Tábua, apresentando lesões que evidenciavam ter sido alvo de violentas agressões físicas”, segundo a nota da PJ, que deteve o suspeito na noite de terça para quarta-feira.

O detido tem antecedentes criminais e estava em liberdade condicional, no âmbito de uma pena de prisão relacionada com violência doméstica, por ter agredido uma filha de sete anos.

 

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com