Coimbra  12 de Dezembro de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Soure celebra os 890 anos da doação do castelo aos Templários

15 de Março 2019

A vila de Soure está em festa, até domingo (17), com as comemorações dos 890 anos da confirmação da doação do castelo aos Templários.

A efeméride começou a ser celebrada já ontem (14), conta com um programa verdadeiramente medieval, mas cujo ponto alto decorreu ontem, com o agradecimento pelos momentos passados, presentes e futuros às Forças Armadas Portuguesas. O Município de Soure agradeceu, publicamente, a esta entidade, pelo apoio prestado durante a tempestade “Leslie”, em Outubro do ano passado, com um monumento evocativo – “Chaimite” – que ficará perpetuado no Parque dos Bacelos.

A decisão desta homenagem foi tomada, por unanimidade, na reunião de Câmara de 16 de Novembro.

Ainda ontem, realizou-se a sessão solene de entrega do diploma e medalha de honra do Município às Forças Armadas (Alvará de Mérito, Reconhecimento e Agradecimento Municipal), seguida da apresentação pública do livro “Os Templários em Soure 1128 – 1309”, de Fernando Tavares Pimenta.

“A História do concelho de Soure é fortemente marcada pela importância estratégica assumida no contexto nacional, no que à defesa diz respeito, destacando-se na Idade Média, principalmente no período da Reconquista Cristã”, refere a Câmara Municipal, adiantando que, por isso mesmo, esta iniciativa “tem o objectivo de evidenciar esse período de grande importância da função militar do concelho”.

Nos próximos dias (até domingo), haverá exposições, treinos de esgrima e de armas, mesas pedagógicas, no âmbito do arraial templário, a decorrer no castelo de Soure e na praça de D. Manuel I.

Outro dos momentos esperados será a cerimónia representativa da entrega do castelo de Soure à Ordem do Templo por D. Afonso Henriques, em 1129.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com