Coimbra  15 de Julho de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Saúde: Rosa Reis Marques na presidência da ARS/Centro

4 de Dezembro 2017

Rosa Reis Marques vai ser investida, ainda em 2017, na presidência da Administração Regional de Saúde do Centro (ARSC), soube o “Campeão”.

A ex-vice-presidente da Câmara Municipal de Coimbra sucede ao médico José Tereso, que completa, durante este mês, 70 anos de idade.

Trata-se de um regresso àquele organismo desconcentrado do Ministério da Saúde, porquanto a gestora foi membro do Conselho Directivo liderado por João Pimentel.

A probabilidade da ida da antiga vereadora para a presidência da ARSC foi noticiada, pelo nosso Jornal, em Março [de 2017].

A ligação da gestora às vicissitudes por que passou a construção do novo edifício do Hospital Pediátrico de Coimbra veio a lançar dúvidas sobre a nomeação, mas acaba por prevalecer a confiança nela depositada pelo secretário de Estado Manuel Delgado (ambos são gestores hospitalares de carreira).

Além de José Tereso, timoneiro cessante daquele organismo desconcentrado do Ministério da Saúde, fazem parte do Conselho Directivo (CD) Luís Militão Cabral e Mário Ruivo (outrora deputado do PS à Assembleia da República e ex-director do Centro Distrital de Coimbra da Segurança Social).

Para substituição de Luís Militão Cabral como vogal do CD da ARS/Centro fala-se do nome de um médico.

Antes de nele ingressar Mário Ruivo, o CD da ARSC deliberou, há perto de dois anos, emitir parecer favorável para concessão de autorização no sentido do exercício de funções médicas a tempo inteiro por parte de uma aposentada, mulher de Luís Cabral, mas a decisão foi tomada sem quórum, apurou o “Campeão”.

O gestor interveio na tramitação do dossiê da contratação de Maria Carlota, mas a acta da correspondente reunião do Conselho Directivo da ARS/Centro, efectuada em meados de Janeiro de 2016, diz que ele esteve ausente da referida sessão.

 

 

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com