Coimbra  19 de Agosto de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

S. Clara e C. Viegas: Assembleia “chumba” contas da Junta

27 de Abril 2018

As contas do exercício financeiro de 2017 da Junta de Santa Clara e Castelo Viegas (Coimbra) foram «chumbadas», ontem (26), pela Assembleia da União de Freguesias, soube o “Campeão”.

A reprovação ocorreu mediante voto de desempate do presidente da Assembleia, José Carlos Clemente (PS).

Foi imediatamente impossível obter uma reacção do líder da Junta (órgão executivo), José Simão (PSD).

Quatro membros da Assembleia indicados pelo Partido Socialista e a eleita pela CDU votaram contra, os cinco representantes da coligação “Mais Coimbra” (PSD – CDS/PP – PPM – MPT) a favor, tendo-se abstido as autarcas do movimento “Somos Coimbra” e o do movimento Cidadãos por Coimbra (CpC).

Na sequência do acto eleitoral de 01 de Outubro de 2017, cujo desfecho atribuiu maioria relativa à coligação “Mais Coimbra”, os socialistas tornaram-se parceiros do PSD na gestão da Junta, mas, recentemente, a Secção do PS/Santa Clara considerou que a aliança pós-eleitoral corre o risco de implodir.

O PS questionou a escassez de informação alusiva à perda de mandato de um antigo tesoureiro, António Pinto Lopes, correspondente ao quadriénio 2009 -13, e quer ver esclarecidos os contornos de uma recente operação bancária, alegadamente levada a cabo pela Junta à revelia da Assembleia.

 

 

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com