Coimbra  10 de Abril de 2020 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Roteiro de Carnaval na região Centro

25 de Fevereiro 2020

Em época festiva, dos carnavais mais tradicionais às pequenas festas, o importante é viver a folia típica e a região Centro não é excepção.

Assim, do Litoral ao Interior, estes dias vivem-se com grande alegria e optimismo, com as condições meteorológicas a ajudarem a sair de casa e apreciar um Carnaval mais português ou mais adaptado do Brasil.

 

Em Coimbra

Desde há vários anos que o Carnaval em Coimbra vive-se no Bairro Norton de Matos, na Freguesia de Santo António dos Olivais. E amanhã (23) não será excepção. Pelo contrário, nas ruas principais do Bairro é esperado o corso carnavalesco com a maior adesão de sempre, o que confirma a qualidade e o interesse por esta iniciativa.

Graça Oliveira, responsável pelo pelouro da Cultura da Junta de Freguesia, entidade organizadora do evento, revela que o Carnaval do Bairro Norton de Matos “continua a crescer e atrai cada vez mais visitantes”.

Este ano, a adesão ao desfile é recorde, com 500 participantes confirmados e pedidos para ingressar no corso que têm chegado sem parar.

No total estarão presentes para animar o muito público esperado cerca de 25 grupos, oriundos não só da freguesia mas de todo o concelho, testemunhando que este é, de facto, “o Carnaval de Coimbra”, afirmou o presidente da Junta, Francisco Andrade.

Graça Oliveira enaltece o “carácter inclusivo” do corso, que vai reunir crianças, adultos, seniores e também pessoas portadoras de deficiência nesta tarde de folia, criatividade e diversão.

Grupos de cidadãos, escolas, associações e as tradicionais marchas são alguns dos grupos participantes, muitos deles já repetentes de anos anteriores. A “desfilar” e a animar estará, também, a Fanfarra dos Bombeiros Voluntários de Condeixa.

Para além disso, Carnaval tem de ter os seus “reis”, cargos que este ano serão ocupados por Gelis Gonçalves, uma jovem basquetebolista cubana que joga actualmente no Olivais Futebol Clube; e o mágico conimbricense Telmo Melo.

O início do desfile está marcado para as 15h00, na rua Verde Pinho, passando depois pelas vias contíguas e mais centrais do Bairro, num corso que além de apeados contará com vários carros alegóricos.

Como habitualmente, os mais originais serão contemplados, pelo júri, com prémios simbólicos.

O corso, que tem entrada gratuita, conta com os apoios da Câmara Municipal de Coimbra, Fundação Inatel e empresa municipal Águas de Coimbra, que estará presente com uma carrinha a promover o consumo da água da torneira.

 

Também na “Baixa” de Coimbra haverá Carnaval este ano, nas tarde de domingo (23) e terça-feira (25), organizado pelo Grupo do Beco, constituído por brasileiros que vivem em Coimbra, em parceria com a Agência para a Promoção da Baixa de Coimbra (APBC).

 

Em São Martinho do Bispo, e como já é habitual, decorre na segunda-feira (24), pelas 14h00, o ‘Desfile de Carnaval Intergeracional’.

O ponto de partida será na praceta Padre Júlio Marques, saindo depois para a rua da Escola Velha, direcção rotunda da Igreja, rua D. Pedro, rua da Misericórdia e finaliza na Casa dos Pobres, com um lanche para todos os participantes.

Uma vez mais participam neste desfile as várias instituições da freguesia, que envolvem crianças e adultos, e um grupo de gaiteiros.

 

Também no Portugal dos Pequenitos haverá Carnaval, na próxima terça-feira (25), com muitas actividades ao longo do dia.

Entre as iniciativas estão as pinturas faciais, fazer máscaras com diversos materiais (cartolina, EVA, lã) e construir casinhas 3D. Os visitantes do parque lúdico-pedagógico podem ainda contar com animação de rua, com palhaços e princesas.

Todas as actividades estão incluídas no preço do bilhete do parque.

 

 

Na Figueira da Foz

Na cidade da Figueira da Foz, o Carnaval já é celebrado há algumas semanas (desde o final de Janeiro) mas os pontos altos acontecem nos próximos dias.

Apesar da morte inesperada do ex-presidente da Câmara João Ataíde, cujo funeral se realiza esta tarde, a Associação de Carnaval de Buarcos / Figueira da Foz decidiu manter o que estava previsto, “respeitando assim o compromisso assumido com o ex-presidente da autarquia, de que levaríamos sempre o nosso Carnaval a bom porto”, revelou, em nota, a organização e adiantando que os elementos da Associação  irão ostentar uma fita preta, em sinal de homenagem.

A festa continua hoje à noite com o tradicional desfile nocturno, pela avenida do Brasil, a partir das 22h00, com as escolas de samba a prepararem o que serão os corsos diurnos de amanhã (23) e terça-feira (25).

Os actores João Baptista e Noémia Costa, o falso padre e a beata coscuvilheira, da novela da SIC “Terra Brava”, a par de dos padrinhos figueirenses Carlos Teixeira e Ana Paula Santos, serão os protagonistas do Carnaval da Figueira da Foz.

Mas pela avenida desfilarão, a partir das 15h00, nos “dias de Carnaval”, centenas de foliões, entre as três escolas de samba da cidade (A Rainha, Unidos do Matogrosso e Novo Império), os grupos apeados e os carros alegóricos.

Como habitualmente, a Figueira da Foz espera milhares de pessoas por estes dias, tendo investido cerca de 120 000 euros na realização do evento, um dos maiores do ano da cidade e que terá como tema principal “A Terra está de tanga”.

Este ano, o Carnaval tem a particularidade de ser “uma festa sustentável”, afirmou Carlos Monteiro, presidente da Câmara Municipal, adiantando que o Município irá disponibilizar 8 000 copos reutilizáveis, por forma a “contribuir para a mitigação das alterações climáticas”.

A entrada nos desfiles de domingo e terça-feira será de quatro euros, para o público em geral, e gratuita para crianças até aos 12 anos.

 

Na Mealhada

 

O Carnaval mais brasileiro de Portugal, na Mealhada, vai ter como reis a actriz portuguesa Luciana Abreu e o actor brasileiro Leonardo Vieira, numa festa que contará com a participação de 600 pessoas e um investimento de 111 000 euros.

“Tal como no ano passado, voltamos a apostar em figuras queridas do público, que vão trazer até à Mealhada muitos visitantes”, disse, na passada semana, a presidente da Direcção da Associação de Carnaval da Bairrada (ACB), Janine Oliveira, à margem de uma iniciativa de promoção do evento, que contou com a presença de Luciana Abreu.

Como habitualmente, o principal financiador do Carnaval Luso-Brasileiro da Bairrada 2020 será a Câmara Municipal, dado que este é considerado como “o maior evento do concelho”, financiando, assim, com uma verba de 24 000 euros para a ACB e de 36 000 euros repartidos pelas quatro escolas de samba do concelho: GRES Amigos da Tijuca; GRES Batuque; Real Imperatriz; e Sócios da Mangueira – Escola de Samba.

Para além das receitas de bilheteira, a ACB “compôs” o orçamento deste ano com a venda do nome das bancadas do cortejo a diversas empresas da região, referiu Janine Oliveira.

“As empresas apadrinham as bancadas, uma novidade que ajuda a equilibrar as contas”, sublinhou, lembrando que o Carnaval terá, de novo, um trajecto urbano, passando pelo centro da Mealhada. Os habituais corsos diurnos (a 23 e 25 de Fevereiro, domingo e terça-feira, a partir das 14h30) vão contar com as quatro escolas de samba, três grupos de apeados, os tradicionais gaiteiros e os cabeçudos. A encerrar o desfile estará o carro dos reis, este ano elaborado de maneira diferente e alusivo à personagem da rainha Luciana Abreu na novela da SIC “Terra Brava”. Assim, “o carro terá o cavalo e o varão iguais ao cenário da novela, e sempre ao som de música”, especificou ao “Campeão” a responsável Janine Oliveira.

A tradição mantém-se, depois, com o desfile nocturno, na noite de segunda-feira de Carnaval, dia 24 (pelas 21h00), mas apenas com as quatro escolas de samba. Já no passado domingo (16), decorreu o Carnaval de Palmo e Meio, destinado às crianças das escolas do concelho.

Como habitualmente, os foliões podem contar com festa todas as noites, na “Tenda” com DJs.

No último dia, além do corso diurno, serão conhecidos os resultados do concurso das Escolas de Samba deste ano, pelas 23h00.

Os bilhetes, com preços entre os seis e os nove euros (para lugar de bancada) poderão ser adquiridos, no próprio dia, nas sete bilheteiras do recinto. As crianças até aos cinco anos (inclusive) não pagam e para excursões (com mais de 50 pessoas) é possível reservar e cada entrada custa 5,50 euros.

Janine Oliveira explicou que as “expectativas são grandes, até porque parece que o tempo irá ajudar”, salientando que a rainha Luciana Abreu “veio dar uma grande ajuda ao nível da divulgação do Carnaval”.

 

No Espinhal e em Alvaiázere

Na freguesia do Espinhal, em Penela, a Filarmónica associa-se também à alegria da época e organiza, hoje à noite, na Casa da Cultura do Espinhal, uma “Noite de Carnaval”.

Ao público pede-se que vá vestido “a rigor” para passar uma noite ao som de DJ Konguitos, DJ Zé Lourenço e DJ Peter Ferrer.

Já em Alvaiázere, a Câmara Municipal proporcionará amanhã (23) uma tarde diferente, com o 15.º desfile de Carnaval e um concerto da cantora popular Rosinha.

A protagonista da festa dará o seu concerto a partir das 16h30, mas antes sai pelas ruas do concelho o desfile de Carnaval, a partir das 15h00.

A concentração dos foliões terá lugar junto à capela de Santo António, seguindo depois o corso pelas ruas até ao Parque Multiusos. Ali, o muito público esperado poderá encontrar os entrudos tradicionais (grupos e pessoas individuais), carros alegóricos e os grupos de mascarados. Os inscritos no desfile devem fazer uma paragem para apresentação de coreografia, em frente aos elementos do júri, sendo que as melhores máscaras serão contempladas com prémios que variam entre os 20 e os 200 euros.

 

Na Pampilhosa da Serra

O cortejo escolar de Carnaval deu o pontapé de saída no concelho para festejar esta época, que prossegue amanhã (23), pelas 15h00, com o tradicional corso, uma iniciativa do Grupo Cultural e Recreativo de Pampilhosa da Serra, e em colaboração com a Câmara Municipal.

O desfile contará com a participação das escolas do concelho, juntas de freguesia, associações, grupos informais e todos os cidadãos interessados.

 

Em Mira

Também junto ao Atlântico, em Mira, vive-se esta época com grande intensidade, com os desfiles a saírem à rua domingo (23) e terça-feira (25).

A praia de Mira e o centro da vila são os epicentros da festa, que vai ser animada pela comunidade escolar e pelas associações do concelhos, que trarão mais de 500 participantes.

 

Em Poiares

O Carnaval em Vila Nova de Poiares começou já na sexta-feira (21), mas continua na terça, registando esta edição um “número recorde de participações”: 18 associações e colectividades locais.

Esta é, também, uma aposta do Município, que criou um programa de incentivos com o intuito de “enriquecer” e abrilhantar a festa de Carnaval em Poiares.

De acordo com o presidente da Câmara Municipal, João Miguel Henriques, “trata-se de um incentivo financeiro simbólico às várias associações e colectividades de forma a promover uma maior participação das instituições e reanimar o espírito folião que é tão característico das nossas gentes”.

No programa de incentivos municipais é valorizado o enquadramento no tema carnavalesco, o número de elementos devidamente caracterizados, a existência de música e coreografia próprias ao longo do desfile e ainda um carro ou veículo similar, também caracterizado.

O desfile de terça-feira irá percorrer as principais ruas do centro da vila, e contará, ainda, durante a tarde com o concurso infanto-juvenil de mascarados, dirigido especialmente à valorização das fantasias e máscaras carnavalescas dos mais pequenos.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com