Coimbra  24 de Outubro de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Requalificação do posto da GNR de Taveiro decorre a “bom ritmo”

10 de Outubro 2019

Manuel Machado e alguns dos seus vereadores, com conjunto com a empresa responsável pela obra, visitaram o edifício alvo das intervenções

 

As obras de requalificação do posto da Guarda Nacional Republicana, em Taveiro, estão a decorrer “a bom ritmo”, como hoje parte do executivo municipal pode comprovar.

Em visita ao edifício, em cuja remodelação e ampliação a Câmara Municipal de Coimbra investiu perto de 60 000 euros, pode já comprovar-se que estão a ser “corrigidas diversas anomalias existentes”, no sentido de “melhorar a imagem e o conforto dos utilizadores”.

Esta era uma reivindicação de há muito por parte dos militares da GNR, devido a “infiltrações através da varanda, o que tem deteriorado os tectos e as paredes”. Nesse sentido, a intervenção em curso irá reparar a cobertura, “levantando e repondo telhas, com aplicação de subtelha, para depois serem limpas e perfiladas as revessas para que não se verifique escorrência lateral nas fachadas”.

Além disso, estão a ser também realizados trabalhos de limpeza com jacto de água em todas as fachadas, reparação das fissuras existentes e uma nova pintura em todo o edifício.

Já no próprio edifício será remodelada a instalação eléctrica, ao nível das caixas, tomadas, interruptores e luminárias; os tectos e paredes vão ser limpos e pintados, bem como se executarão outras reparações pontuais, e reparadas portas e janelas.

Segundo a Câmara Municipal, “o edifício vai receber também a instalação de uma nova plataforma elevatória no corrimão (tipo cadeira elevatória de escadas), de modo a cumprir com o regime de acessibilidade aos edifícios e estabelecimentos de atendimento ao público”.

Após a visita ao edifício, o presidente da Câmara Manuel Machado assegurou que “a obra ficará pronta em Novembro”, explicando que aquele é um prédio municipal mas que “acolhe provisoriamente o posto da GNR”.

“Pelo número significativo de agentes, que merecem condições de trabalho operacionais”, a autarquia avançou com as obras de requalificação, adiantou o autarca, notando que é uma forma de “contribuir para o sentimento de segurança das populações e de uma equipa que tem tido uma interacção construtiva junto das várias entidades, instituições e cidadãos, e que permite que Coimbra seja uma cidade segura e protegida”.

O prometido e tão aguardado novo posto da GNR de Taveiro tem já um terreno escolhido desde 1990, junto ao Parque Industrial, que foi cedido gratuitamente pela Câmara Municipal, mas que não tem ainda prazo para ser construído.

Manuel Machado frisou que “o projecto ainda não entrou na autarquia”, esperando que “no âmbito do próximo Orçamento de Estado haja dotação para isso”. Este atraso de décadas deve-se, sobretudo, à intenção de ali poderem ser albergados vários sectores operacionais da GNR, mas que tal também depende da Estratégia de Defesa Nacional.

Já em Abril, o presidente da União de Freguesias de Taveiro, Ameal e Arzila, Jorge Mendes, já tinha adiantando que o seu próprio executivo tem apoiado a GNR, apoiando na execução de algumas melhorias.

 

Obras posto GNR Taveiro

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com