Coimbra  26 de Maio de 2020 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Região de Coimbra cria plataforma de gestão de material e de georreferenciação

3 de Abril 2020

A Comunidade Intermunicipal (CIM) da Região de Coimbra anunciou, hoje, a criação de uma plataforma de gestão de ‘stocks’ e de georreferenciação de casos da covid-19 na sua área territorial.

A plataforma de gestão de material já se encontra em utilização por todos os municípios, com o objectivo “de partilhar informação na região, bem como a boa gestão dos ‘stocks’ existentes”, informa a CIM.

“Paralelamente a este processo, os técnicos dos Serviços Municipais de Protecção Civil criaram uma interface que permite registar o número de casos da covid-19 em cada um dos municípios”, adianta.

Segundo a CIM Região de Coimbra, a interface salvaguarda as questões de identidade e protecção de dados, “o que facilitará a obtenção de uma base actualizada no contexto da região e servirá no apoio à decisão e no reforço das medidas de mitigação em algumas zonas do território”.

“Ambos os suportes estão interligados entre si e permitem a obtenção de dados relativos aos recursos existentes na região, bem como às áreas da região com maior incidência da covid-19″, refere o comunicado.

A CIM Região de Coimbra é constituída pelos municípios de Coimbra, Arganil, Cantanhede, Coimbra, Condeixa-a-Nova, Figueira da Foz, Góis, Lousã, Mira, Miranda do Corvo, Montemor-o-Velho, Mortágua, Oliveira do Hospital, Pampilhosa da Serra, Penacova, Penela, Soure, Tábua e Vila Nova de Poiares (distrito de Coimbra), Mealhada (Aveiro) e Mortágua (Viseu).

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com