Coimbra  25 de Maio de 2022 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Região de Coimbra associa-se ao movimento Hora do Planeta

26 de Março 2022 Jornal Campeão: Região de Coimbra associa-se ao movimento Hora do Planeta

A Comunidade Intermunicipal da Região de Coimbra associa-se, este sábado, à Hora do Planeta, com os municípios a desligarem as luzes entre as 20h30 e 21h30.

Esta iniciativa da organização global WWF – World Wildlife Found que anualmente, no último sábado de Março, junta milhões de pessoas em todo o mundo para uma acção simbólica de defesa da natureza, dedica a edição de 2022 ao Restauro da Natureza, numa união à campanha do European Policy Office da WWF, “Move-te pela Natureza”.

Os Municípios da Região de Coimbra que se comprometem, entre outras iniciativas, a desligar as luzes entre as 20h30 e 21h30, sáo os seguintes:

Arganil – Paços do Concelho, Biblioteca Municipal Miguel Torga (Arganil), Centro Actividades Juvenis (CAJ), Escola Básica do 1.º Ciclo de Arganil, Blocos A e B da Cerâmica Arganilense e Edifício da União de Freguesias de Coja e Barril de Alva;

Cantanhede – Paços do Concelho, Biblioteca Municipal, Museu da Pedra, Casa Francisco Pinto, Piscinas Municipais, Estaleiro Municipal e Inova – Empresa Municipal;

Coimbra – Paços do Município e Aqueduto de São Sebastião, popularmente conhecido como os Arcos do Jardim;

Góis – Paços do Concelho – Largo Francisco Inácio Dias Nogueira – Praça da República;

Lousã – Jardim dos Paços do Concelho e Biblioteca Municipal;

Mealhada – Paços do Concelho;

Mira – Paços do Concelho de Mira, Casa do Visconde e Tribunal de Mira, Estátua do Infante Dom Pedro, Complexo Desportivo de Mira, Biblioteca Municipal de Mira, Museu do Território da Gândara, MiraCenter – AIBAP, Palheiro de Mira – Museu e Posto de Turismo da Praia de Mira;

Montemor-o-Velho – Castelo de Montemor-o-Velho

Mortágua – Largos, praças e fontes ornamentais;

Oliveira do Hospital – Largo Ribeiro do Amaral;

Soure – Paços do Concelho e espaço envolvente ao Castelo de Soure;

Vila Nova de Poiares – Paços do Concelho e Monumento ao Cristo.

As Câmaras convidam todos os munícipes, empresas e entidades públicas ou privadas do concelho, a associarem-se também a esta iniciativa e apagarem as luzes, num movimento que terá tanta expressão quanto maior o número de pessoas que aderirem.

Ano após ano, a Hora do Planeta tem vindo a crescer para se tornar num movimento de sustentabilidade global com mais de 3,5 mil milhões de pessoas em 192 países e territórios que, numa demonstração de apoio a esta causa, desligam simbolicamente as suas luzes durante uma hora, a Hora do Planeta.

A Comissão Europeia comprometeu-se a apresentar uma proposta legislativa sobre restauro da natureza, a ser posteriormente discutida entre os Estados-membros para a sua adopção. Actualmente, cerca de um milhão de espécies estão ameaçadas de extinção e a saúde dos ecossistemas dos quais dependemos está a deteriorar-se mais rapidamente do que nunca. A Europa não é excepção, com 63% de suas espécies e 81% dos seus habitats protegidos em mau estado de conservação.

Neste momento, já não basta proteger a natureza, é essencial restaurar o que já foi destruído.