Coimbra  23 de Setembro de 2020 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

PSP volta a apreender material contrafeito comercializado pelo mesmo cidadão

4 de Junho 2020 Jornal Campeão: PSP volta a apreender material contrafeito comercializado pelo mesmo cidadão

Há precisamente dois dias, a Polícia de Segurança Pública (PSP) de Coimbra realizou uma das maiores apreensões de material contrafeito e identificou um homem que comercializava os artigos, o mesmo que, apenas um dia depois, voltou ao local para venda de mais produtos potencialmente contrafeitos.

A apreensão de terça-feira (02) teve lugar na “Baixa” da cidade de Coimbra, junto à Loja do Cidadão, e decorreu após denúncias. A nova apreensão, ocorrida ontem (03), foi na sequência do policiamento diário realizado naquela zona da equipa de intervenção Rápida do Comando Distrital de Coimbra que, “ao passar no local, cerca das 10h20, percebeu que o mesmo homem, de 36 anos, continuava a comercializar artigos idênticos”.

Desta vez, a Polícia apreendeu “58 pares de sapatilhas de marcas conceituadas”, tendo o indivíduo sido novamente identificado.

Ainda na mesma acção de fiscalização, “procedeu-se à apreensão de 107 peças de vestuário a vendedor indeterminado por não ter sido possível proceder à identificação do suspeito proprietário”, revela a PSP, adiantando que “o fruto da apreensão será encaminhado para a autoridade competente que as analisará e procederá às devidas diligências”.

Já na Figueira da Foz, na tarde de ontem, um outro homem, de 61 anos, foi detido por resistência e coacção. A detenção decorreu durante uma operação de vigilância num supermercado na rua Afonso Albuquerque, na Figueira da Foz, “um agente observou alguns comportamentos estranhos num cliente, pelo que se tornou suspeito”, afirma.

Ao abordar o homem, o agente da PSP “recomendou-lhe que não fizesse nada de ilícito”, contudo, o suspeito, já no exterior do estabelecimento “adoptou uma postura hostil e agressiva, agrediu, injuriou e ameaçou o agente”, pelo que foi detido.