Coimbra  14 de Novembro de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Programa apoia actividades culturais de associações da região Centro

18 de Fevereiro 2019

A Direcção Regional da Cultura do Centro (DRCC) apresentou, hoje, um programa de apoio a actividades culturais de associações não-profissionais, que pretende apoiar 26 projectos, com um orçamento de 60 000 euros.

O Programa de Apoio à Acção Cultural (PAAC), dado a conhecer no Mosteiro de Santa Clara-a-Velha, em Coimbra, quer apoiar 26 iniciativas de índole cultural e artística neste ano, financiando, no máximo, 50 por cento das despesas elegíveis de cada projecto, afirmou a nova directora regional, Suzana Menezes.

Com um orçamento total de 60 000 euros, o programa divide-se em três medidas de financiamento – artes plásticas, apoio à edição de livros e criação e difusão de artes do espectáculo -, sendo que as candidaturas podem ser apresentadas entre 01 e 31 de Março, anunciou a responsável.

Durante a sessão de apresentação, Suzana Menezes reconheceu que o montante disponível é pequeno, afirmando que chegou a ponderar se, com a verba disponível, se deveria lançar já este ano o PAAC.

“Não estamos a falar de apoios maravilhosos que permitam ‘per se’ implementar o projecto, mas a alternativa era não fazer nada”, esclareceu, tendo optado por usar o dinheiro disponível para colocá-lo “ao dispor do tecido associativo da região”.

Suzana Menezes vincou, ainda, que a expectativa “poder melhorar o programa na sua dotação em 2020”.

Os únicos beneficiários do PAAC são associações privadas sem fins lucrativos, que têm que ter como área prioritária a cultura e as artes, funcionar há mais de três anos e ter sede num dos 77 municípios da área de influência da DRCC.

Para as iniciativas de criação artística, o programa apoia até 10 projetos, com uma verba máxima de 2 400 euros para cada um, e na área de difusão artística cinco projectos com um apoio máximo de 4 000 euros.

No domínio das artes plásticas, o apoio é de 1 000 euros por projecto e na edição de livros há um tecto de 2 000 euros.

Após a fase de candidaturas, o período de análise dos projectos vai decorrer de 01 a 26 de Abril e os resultados deverão ser conhecidos a 29 de Abril.

Suzana Menezes, ex-directora da Oliva Creative Factory, assumiu em Janeiro o cargo de directora regional de Cultura do Centro, em regime de substituição.

 

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com