Coimbra  12 de Abril de 2024 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Primeiros doentes transferidos para as novas Urgências dos HUC

15 de Março 2024 Jornal Campeão: Primeiros doentes transferidos para as novas Urgências dos HUC

Começou esta sexta-feira a transferência dos primeiros utentes do antigo edifício das Urgências dos Hospitais da Universidade de Coimbra (HUC) para as novas instalações.

O Conselho de Administração (CA) acompanhou os profissionais de saúde nestes primeiros momentos de mudança e “o balanço é francamente positivo”.

“É uma enorme satisfação ver os primeiros utentes serem transferidos para este novo edifício, uma semana antes da data com que nos tínhamos comprometido”, frisa o presidente do Conselho de Administração da ULS Coimbra, Alexandre Lourenço, acrescentando: “o deadline era o dia 21 de Março, mas graças ao trabalho de muita gente, muito dedicada, foi possível antecipar o início da transferência dos primeiros doentes uma semana, algo que nos deixa com um sentimento de missão cumprida e ainda com mais vontade de passar à fase seguinte”.

Elsa Gaspar, adjunta do director do Serviço de Urgência de Adultos, garantiu que “a transferência está a andar a bom ritmo, como previsto, e previsivelmente os doentes estarão todos na nova área até sábado de manhã”.

A enfermeira Helena Fernandes, gestora do Serviço de Urgência de Adultos, reiterou esta informação frisando, também, a “enorme satisfação que é poder dar início ao processo de transferência dos utentes para as novas instalações”.

Os primeiros utentes começaram a ser transferidos esta sexta-feira, cercas das 17h00, tendo a transferência começado pelos utentes triados com pulseiras azuis, verdes e amarelas. “Está tudo a correr muito bem, com esta primeira fase da transferência”, sublinha Alexandre Lourenço, que deixa um compromisso: “estamos a trabalhar para ter toda a Urgência renovada até ao final de Setembro, antes do período sazonal de Outono-Inverno. É esse o compromisso do Conselho de Administração em relação às novas instalações das Urgências”.