Coimbra  21 de Outubro de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Presidente da Câmara de Condeixa inaugura lar de idosos na Ega

28 de Junho 2019

Nuno Moita, presidente da Câmara Municipal de Condeixa-a-Nova, inaugura amanhã (29) a nova estrutura residencial para pessoas idosas da Ega.

A inauguração decorrerá pelas 17h30, e insere-se nas comemorações do 30.º aniversário do Centro Social Polivalente da Ega.

O lar, que está em funcionamento há cerca de ano e meio, está preparado para receber 60 idosos em lar residencial, tendo, também, 32 vagas em centro de dia e capacidade para acompanhar até 50 pessoas em apoio domiciliário.

O autarca refere que esta “é uma obra de extraordinária importância para Condeixa e a sessão solene de inauguração assinala o culminar de um processo longo, mas com um desfecho feliz e a concretização de um acto da maior justiça para com os cidadãos que, chegados a esta fase da vida, precisam de todo o nosso apoio”, realçando a importância de investir no apoio à terceira idade, num país que em poucos anos “passou do mais jovem da Europa para o terceiro país mais envelhecido”.

Com orçamento de cerca de dois milhões de euros, a empreitada foi comparticipada em mais de 800 mil euros pelo Município de Condeixa-a-Nova, e em cerca de 1,3 milhões de euros pelo Orçamento do Estado, no âmbito do Programa de Investimento e Despesas de Desenvolvimento da Administração Central), sendo o restante assegurado pela própria instituição.

Para além do novo lar, o presidente irá, ainda, inaugurar a nova cozinha para a confecção de alimentos da Santa Casa da Misericórdia de Condeixa, pelas 16h00.

Este é um local com capacidade para produzir 600 refeições, com armazém de produtos alimentares e de limpeza, que implicou um investimento de cerca de 800 mil euros, destinando-se a servir todo o universo da Santa Casa da Misericórdia de Condeixa, nomeadamente os utentes das várias valências e os funcionários.

Com a entrada em funcionamento da cozinha central foram eliminadas as três cozinhas existentes na Estrutura Residencial para Idosos (ERPI), Casa da Criança e na creche “Pezinhos de Lã”, que passam a funcionar apenas como copas para a recepção e distribuição de refeições e preparação de pequenos almoços e lanches.

A centralização dos serviços permitirá uma melhor eficiência e eficácia na gestão e controlo dos custos inerentes a todo o processo, bem como na gestão e controlo de desperdícios e das entradas e saídas das matérias consumidas.

A construção desta obra era considerada uma prioridade, uma vez que a cozinha da Estrutura Residencial para Idosos se encontrava sobrecarregada com as respostas sociais abrangidas – CAT; ERPI; apoio domiciliário; centros de dia; e cantinas sociais – para além de possuir uma reduzida capacidade de armazenamento.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com