Coimbra  17 de Outubro de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Polybio Serra e Silva distinguido como “Herói do Coração”

27 de Setembro 2019

 

No âmbito das comemorações do Dia Mundial do Coração, este domingo (29), a Fundação Portuguesa de Cardiologia (FPC) homenageia Polybio Serra e Silva, presidente da Delegação do Centro da FPC como “Herói do Coração”.

O também professor catedrático jubilado da Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra (FMUC), com 91 anos, continua à frente dos destinos de delegação e na luta pela prevenção das doenças do coração, promovendo a manutenção de uma vida saudável.

“A minha promessa, aos 91 anos, é manter-me saudável para continuar a fazer prevenção cardiovascular utilizando a poesia e a prosa como instrumentos privilegiados”, revela o homenageado.

Precisamente no domingo, a delegação do Centro irá marcar presença na Feira das Modalidades, organizada pela Câmara Municipal de Coimbra, no Parque Verde do Mondego, com a realização de um coração humano, pelas 15h00. A ideia é chamar a atenção para a importância da vida saudável e para a prevenção das doenças cardiovasculares.

A FPC assinala, também, a efeméride com a campanha “Porque todos os batimentos cardíacos contam”, em parceria com a World Heart Fundation (WHF), apelando assim à “igualdade na saúde do coração”.

O objectivo deste projecto internacional é o de “mobilizar milhões de pessoas em todo o mundo para serem ‘Heróis do Coração’, fazendo e mantendo a promessa de cuidar do coração dos seus familiares e amigos”.

A campanha deste ano passa, precisamente, “pela criação de uma comunidade global de heróis do coração [como o caso de Polybio Serra e Silva]; pessoas que se empenharam em melhorar a saúde cardíaca e em reduzir as doenças cardiovasculares, dos respectivos doentes, ou que estão a agir para viverem vidas mais longas e melhores ao fazer, e cumprir, uma promessa da adopção de hábitos de vida saudáveis sendo os heróis que o seu coração precisa”, refere a FPC.

Assim, a organização portuguesa vai partilhar materiais das suas próprias campanhas, da realização de actividades e eventos de sensibilização, da organização de actividades de angariação de fundos para entidades locais e através da iluminação de edifícios ou monumentos icónicos em todo o mundo.

Cada cidadão pode, também, aderir à iniciativa, fazendo a sua “promessa de apoiar a saúde do coração neste Dia Mundial”, através do website www.worldheart.org, onde poderão criar e partilhar o seu próprio cartaz e fazer “promessas” nas redes sociais com a “#WorldHeartDay” e identificando a página www.facebook.com/worldheartfederation.

 

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com