Coimbra  24 de Julho de 2021 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Penela: Praia da Louçainha hasteou Bandeira e Praia Acessível

6 de Julho 2021 Jornal Campeão: Penela: Praia da Louçainha hasteou Bandeira e Praia Acessível

O presidente da Câmara Municipal de Penela hasteou, ontem (5), a Bandeira Azul na Praia Fluvial, numa cerimónia simbólica que inaugurou a época balnear deste ano, no concelho.

A cerimónia foi marcada pelo anúncio da candidatura, recentemente aprovada, para a Requalificação do Espaço Natural da Louçainha e, como sublinhou o presidente da Câmara Municipal de Penela, Luís Matias, “correndo como se deseja, na próxima época balnear, vamos ter uma praia mais dimensionada, com melhores equipamentos e infraestruturas, incluindo o restaurante”. Uma notícia há muito desejada até porque, a praia fluvial da Louçainha é um espaço singelo que prima pela sua beleza e singularidade, atraindo milhares de turistas ao concelho.

A praia volta a cumprir com todas as regras de prevenção da covid-19, em conformidade com as regras extraordinárias determinadas pela Direcção-Geral de Saúde para a utilização das zonas balneares, nomeadamente indicações de circulação, álcool gel e obrigatoriedade do uso de máscara e calçado nas áreas comuns e restaurante.

Na Campanha da Bandeira Azul da Europa, este ano com o tema “Recuperação de Ecossistemas”, é considerado para efeitos de candidatura, à imagem do ano passado, um total de 32 critérios, 28 dos quais de cumprimento obrigatório.

Esses critérios, aos quais a Praia Fluvial da Louçainha respondeu positivamente, estão relacionados com “Informação e Educação Ambiental”, “Qualidade da Água”, “Gestão Ambiental e Equipamentos” e “Segurança e Serviços”.

Já a bandeira de Praia Acessível atesta as condições deste espaço para acolher utilizadores com mobilidade reduzida, nomeadamente com a disponibilidade de uma cadeira anfíbia.

A cerimónia contou com a presença do representante da Agência Portuguesa do Ambiente, do presidente da Junta de Freguesia do Espinhal e da presidente da União de Freguesias São Miguel, Stª Eufémia e Rabaçal, da representante da Vigilância Azul, de elementos do Executivo, e de técnicos municipais, entre outros.

A Campanha da Bandeira Azul da Europa, organizada pela Fundação para a Educação Ambiental, com o apoio da Comissão Europeia, teve início em 1987 e está integrada no programa do Ano Europeu do Ambiente.