Coimbra  20 de Maio de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Pedro Roxo confirma recandidatura à presidência da AAC/OAF

16 de Maio 2019

O actual presidente da Associação Académica de Coimbra /OAF Pedro Roxo confirmou, hoje, a sua recandidatura, encabeçando uma lista ao próximo sufrágio, marcado para 01 de Junho.

Como oponente para o triénio 2019-2022, o actual líder da Briosa vai ter o médico Joaquim Reis.

Recorde-se que, em Outubro do ano passado, Pedro Roxo estava ainda a reflectir sobre uma possível recandidatura, dizendo: “não decidi, não pensei muito sobre o assunto e não é algo que me tire o sono”.

O actual presidente foi investido no cargo na sequência da renúncia de Paulo Almeida, que se limitou a cumprir um ano de mandato (2016 -17).

Pedro Roxo, com 39 anos, é associado da Académica desde que nasceu e foi capitão de equipa em todos os escalões de formação (dos infantis aos juniores) e jogador do plantel principal, tendo igualmente alinhado na equipa de veteranos.

O também engenheiro quer continuar a liderar os destinos da Académica “com a convicção do trabalho feito e da missão ainda por completar”.

Espera, por isso, “fazer um mandato completo à frente da Briosa, para o qual conta com uma equipa de académicos reconhecidos e empenhados em fazer regressar a Académica à primeira liga e em fortalecer a instituição estrutural, financeira e socialmente”.

“Passámos por tempos conturbados após a demissão da direcção presidida por José Eduardo Simões, principalmente do ponto de vista financeiro” afirma Pedro Roxo, relembrando que “mais ninguém se apresentou a eleições em 2016”, reiterando que, por isso mesmo, “é sua missão fazer regressar o clube a ‘um lugar que é seu’”.