Coimbra  18 de Setembro de 2020 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Oliveira do Hospital apoia famílias pelo nascimento de crianças

19 de Agosto 2020 Jornal Campeão: Oliveira do Hospital apoia famílias pelo nascimento de crianças

Com o Programa Municipal de Incentivo à Natalidade, implementado pela Câmara Municipal em Janeiro de 2013, Oliveira do Hospital já beneficiou com este apoio mais de 550 crianças.

Tal como referiu José Francisco Rolo, o vice-presidente da CMOH, na última reunião do Executivo camarário, dia 13 de Agosto, está em causa um investimento superior a 700 mil euros com um programa que visa apoiar não só as famílias pelo nascimento de crianças, mas também a economia local, uma vez que as despesas comparticipadas só poderão ser realizadas em estabelecimentos do concelho.

O incentivo à natalidade é de cariz mensal, prestado desde o mês seguinte ao nascimento da criança até terminar o mês em que a criança completa 36 meses. Este subsídio vai variando com a idade: no primeiro ano de vida da criança, a família recebe o valor de 60 euros, 40 euros quando a criança atinge os 13 meses e 30 euros entre os 25 e os 36 meses. Esta prestação aumenta em 10 por centro a partir do nascimento do segundo filho.

A concretização do incentivo é feita sob a forma de reembolso de despesas efectuadas na área do município de Oliveira do Hospital, com a aquisição de bens e/ou serviços considerados indispensáveis ao desenvolvimento saudável e harmonioso da criança.

O último relatório indicava 337 crianças apoiadas pela prestação mensal do incentivo à natalidade, traduzindo um investimento de 110.984,86 euros, em 2019.

José Carlos Alexandrino, presidente da Câmara Municipal, congratulou-se pelo seu Executivo ter inaugurado uma nova época políticas através desta geração de medidas sociais de apoio à família. “É uma grande obra que não se vê, mas que as pessoas sentem”, frisou o autarca.