Coimbra  29 de Maio de 2024 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

“O nosso Fado” vence prémio de empreendedorismo da Turismo do Centro

25 de Maio 2023 Jornal Campeão: “O nosso Fado” vence prémio de empreendedorismo da Turismo do Centro

O projecto “O nosso Fado”, um Eco Hostel a ser implementado na Serra da Lousã, venceu a oitava edição do Prémio José Manuel Alves/Concurso de Empreendedorismo Turístico, instituído pelo Turismo Centro de Portugal.

O Concurso de Teses Académicas premiou uma dissertação de doutoramento sobre experiências enogastronómicas, denominada “A co-criação enquanto impulsionadora de experiências enogastronómicas”, de Mariana Sousa e Silva Cabral de Carvalho.

A dissertação de mestrado de Inês Costa Soares sobre turismo criativo “A regeneração do património olivícola em Portugal com suporte no Turismo Criativo” também foi premiada.

Os concursos de Empreendedorismo Turístico e de Teses Académicas, promovidos anualmente pela Turismo Centro de Portugal, procuram “detetar e apoiar as melhores ideias de negócios turísticos que são geradas todos os anos na região, assim como valorizar o conhecimento científico que é produzido sobre a atividade turística”, refere a Turismo Centro de Portugal.

O Prémio José Manuel Alves distingue projectos inovadores no sector do turismo, com implementação na região Centro. O nome homenageia um ex-presidente da Região de Turismo do Centro, que esteve na génese da criação do gabinete de apoio ao investimento turístico na região.

Este ano foram apresentadas 378 candidaturas, das quais foram distinguidos 64 projectos e premiados 23.

Oito candidaturas foram seleccionadas para a fase final.

O júri, composto por Miguel Mendes (Turismo de Portugal) e Guilherme Fonseca (Portugal Ventures), escolheu como vencedor o projeto intitulado “O nosso Fado”, um Eco Hostel que vai ser implementado na Serra da Lousã.

De autoria de Ricardo Cunha e Romane Forgue, o empreendimento, que está em fase de construção, promete “oferecer uma acomodação única no vale da Lousã, focado em práticas sustentáveis, cultura local e tradições”, sublinha a mesma nota.

Em segundo lugar ficou o “Coimbra Experiences Hub”, promovido pela Portugal Green Travel, que é uma solução que visa “facilitar a experiência do turista na região de Coimbra, concentrando, num local único e central, as várias ofertas de produtos e serviços turísticos de que podem desfrutar na região”.

O terceiro lugar foi conquistado pela “Vista da Torre”, dos empreendedores Daniela Batista, Mark McClure e Adriana Mesquita.

“É um projecto em Águeda, que tem no seu cerne o desenvolvimento de um espaço de 20 mil metros quadrados perto da vila do Ventoso, com o intuito de proporcionar serviços de alojamento, restauração, actividades ‘outdoor’ e educacionais associadas ao BTT”, acrescenta.

Além dos três trabalhos distinguidos, foram finalistas – “Game UP” (Frederico Santos da Costa, Sidnei Pfau e André Conde); “Trilha do Sabor” (Diana Forte Ventura, Fabiane Meneses e Marco Proença); “City Travel” (Hélder Duarte, Mónica Serôdio); “Aguieira Boats” (Rui Guilherme Vidal Seabra de Lopes Craveiro); e “Supernature” (Mariana Teixeira, Beatriz Alves, Constança Seco, Davide Gonçalves e Maria Beatriz Reis).