Coimbra  6 de Julho de 2020 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Nigeriano detido na estação de comboios por se encontrar ilegal no país

2 de Janeiro 2017 Jornal Campeão: Nigeriano detido na estação de comboios por se encontrar ilegal no país

Um homem, com 26 anos e natural da Nigéria, foi detido, no sábado (31), num terminal ferroviário de Coimbra, por permanência ilegal em território nacional, revelou, hoje, o Comando Distrital da PSP.

A Polícia deslocou-se ao local assim que teve conhecimento de que “estaria um indivíduo escondido na casa de banho de um comboio procedente da Guarda e com destino a Lisboa, com a intenção clara de não abandonar o local onde se encontrava”, refere.

No local, a PSP apurou que o suspeito se encontrava no comboio sem título válido de transporte e que entrara em Portugal através de Espanha, sem documento de identificação, motivo pelo qual foi contactado o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF). no sentido de se perceber a existência de eventual Permanência Ilegal em Território Nacional, o que se veio a confirmar, e o individuo foi detido.

Na sexta-feira (30), a PSP recebeu uma denúncia de uma burla, via Internet, um crime cada vez mais recorrente.

A cidadã, de 33 anos e residente na Figueira da Foz, informou a Polícia de que encontrou, através de uma rede social, “um artigo de vestuário que lhe agradou e que pretendeu adquirir, tendo para o efeito contactado a anunciante e estabelecido os termos da compra”, explica a Polícia.

A lesada realizou uma transferência multibanco da quantia acordada para o NIB indicado, tendo ficado a aguardar a chegada da encomenda, o que nunca aconteceu.

“Perante os factos tentou contactar novamente a anunciante, momento em que percebeu que a página tinha sido desactivada”, esclarece.

Assim, a queixosa acredita ter sido vítima de burla, encontrando-se assim em prejuízo económico.