Coimbra  8 de Maio de 2021 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Navigator entre as melhores empresas do mundo em sustentabilidade

13 de Fevereiro 2021 Jornal Campeão: Navigator entre as melhores empresas do mundo em sustentabilidade

A The Navigator Company obteve uma pontuação de 17,2 no “ESG Risk Rating 2020”, da Sustainalytics, o que representa “uma melhor avaliação comparativamente aos anos anteriores, mantendo a sua classificação de ‘Empresa de Baixo Risco ESG’ para investidores”.

Os “ESG Risk Ratings da Sustainalytics” medem a performance em Sustentabilidade de uma empresa e, para tal, avaliam a exposição aos riscos materiais ESG, relacionados com factores ambientais, sociais e de governo societário, bem como a forma como a empresa faz a sua gestão.

A Navigator encontra-se, assim, em 5.º lugar, num total de 79 empresas globais que fazem parte do cluster de indústrias “Paper & Forestry” e, em 4.º lugar, no subconjunto de 62 sociedades globais que integram o cluster “Paper & Pulp”.

A avaliação e o bom posicionamento da The Navigator Company neste ranking são dados relevantes que espelham o trabalho contínuo levado a cabo pela empresa, no sentido de integrar a sustentabilidade como prioridade no seu modelo de negócio, demonstrando a sua capacidade de antecipar e gerir os riscos ESG na condução das suas actividades.

No caso da The Navigator Company, o ESG Risk Rating solicitado à “Sustainalytics” decorre de um acordo estabelecido com o BBVA para o lançamento da primeira linha de Papel Comercial green em Portugal, uma operação avaliada em 65 milhões de euros e realizada em 2019.

A The Navigator Company é a única empresa portuguesa que está presente no “Executive Committee do WBCSD – World Business Council for Sustainable Development, organização de elevada relevância global no campo da sustentabilidade e que reúne algumas das maiores empresas do mundo.

Recorde-se que em Janeiro de 2019, a The Navigator Company foi distinguida pelo Carbon Disclosure Project (CDP) como líder global na atuação climática corporativa, alcançando um lugar de destaque na lista “A” das alterações climáticas desta organização.