Coimbra  30 de Novembro de 2020 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Nasceram três vitelos no Parque Biológico da Serra da Lousã

18 de Novembro 2020 Jornal Campeão: Nasceram três vitelos no Parque Biológico da Serra da Lousã

O Parque Biológico da Serra da Lousã, em Miranda do Corvo, tem agora mais três novos habitantes na Quinta Pedagógica, uma vitela Barrosã, uma vitela Cachena e um vitelo Jarmelista.

O bovino de raça Barrosã é o maior representante das raças autóctones, apresentando uma pelagem castanha clara e os cornos em lira alta com pontas escuras, representando a zona mais a Norte do país. Em oposição de corpulência, temos o bovino de raça Cachena, a menor das raças (mas uma das mais resistentes) e que, consequentemente apresenta a vitela de menor tamanho. Por fim, nasceu um vitelo de raça Jarmelista, uma raça provinda da zona da Guarda, de grande porte de pelagem amarela com manchas mais escuras nas extremidades.

O Parque Biológico pretende ser a maior amostra da agro-pastoricia tradicional portuguesa, apresentando no seu espaço todas as raças autóctones do nosso país em galináceos, bovinos, caprinos, ovinos e suínos. Ao longo dos anos tem adquirido e promovido a reprodução destas raças para aumentar o seu efectivo, contando com as seguintes raças bovinas representadas: Arouquesa, Barrosã, Cachena, Jarmelista, Marinhoa, Minhota e Mertolenga.

Situado em Miranda do Corvo, o complexo turístico, Parque Biológico e o Templo Ecuménico Universalista, atingiram recentemente a marca dos 330 000 visitantes demonstrando assim ser a maior atracção turística da vila e uma das maiores da região Centro.