Coimbra  22 de Maio de 2024 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Museu de Coimbra com oficinas pedagógicas e CACC com kits didácticos

4 de Janeiro 2024 Jornal Campeão: Museu de Coimbra com oficinas pedagógicas e CACC com kits didácticos

O Museu Municipal e o Centro de Arte Contemporânea de Coimbra (CACC) oferecem ao público escolar oficinas em torno da colecção Telo de Morais e novos kits didácticos a partir da exposição “Visitante Ocasional”.

No dia 13 de Janeiro vai ser inaugurada a exposição “O tratador de dragões invisíveis”, de Nuno Fonseca, no Edifício Chiado. Já no dia 20 vai ter lugar uma visita acompanhada à mostra “Judeus de Coimbra” e, no dia 27, o curador José Maçãs de Carvalho vai guiar o público através da exposição “Visitante Ocasional” no CACC. Ainda neste dia, porque é o quarto sábado do mês, as entradas são gratuitas no Museu Municipal e no CACC.

Da programação de Janeiro do Museu Municipal de Coimbra (MMC) para o público escolar consta a oficina de leitura “O gato letrado”, uma sessão de leitura com base na peça “Felino selvagem”, da colecção Telo de Morais, da autoria de Barye, que vai decorrer no Edifício Chiado, de terça a sexta-feira, das 10h00 às 16h00 (cada sessão com uma duração aproximada de 60 minutos), orientada para pré-escolar e 1º ciclo (para grupos formados com o mínimo de cinco e máximo de 25 pessoas).

Destaque, também, no MMC para a oficina “Kipah? O que será?”, baseada na cultura judaica e a partir da exposição “Judeus de Coimbra”! Quem foram? Onde viveram o que nos deixaram?”. A oficina decorre no Edifício da Inquisição, de terça a sexta-feira, das 13h00 às 16h00 e é dirigida para o pré-escolar e 1º ciclo. Ambas as iniciativas requerem inscrição através do telefone 239 840 754 ou do e-mail museu.municipal@cm-coimbra.pt.

Por sua vez, o Centro de Arte Contemporânea de Coimbra coloca à disposição do público escolar novos kits didácticos associados à exposição “Visitante Ocasional”. Em destaque, estão as obras de Rui Calçada Bastos, de Luís Nobre, de Jorge Martins e de Gabriela Albergaria. A iniciativa é orientada para o público do pré-escolar ao ensino superior. Os kits didácticos têm, ainda, a particularidade de se destinarem não só ao público escolar, mas também ao público geral. A actividades decorre de terça a sexta-feira, das 10h00 às 16h00. A participação é gratuita, mas é obrigatória marcação prévia através do telefone 239 828 052 ou do e-mail centroartecontemporanea@cm-coimbra.pt.

Já para o público em geral, o MMC tem prevista a inauguração, a 13 de Janeiro, no Edifício Chiado, da exposição “O tratador de dragões invisíveis”, de Nuno Fonseca. A exposição, que conta com curadoria de Vieira Duque, pela Fundação Dionisio Pinheiro e Alice Cardoso Pinheiro, será constituída por obras processuais denominadas de Árvores Dragões Invisíveis, que estará patente ao público até 31 de Março de 2024. A mostra pode ser vista de terça a sexta-feira, das 10h00 às 18h00, e sábados e domingos, das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h00.

No dia 20 de Janeiro, às 15h30, vai realizar-se uma visita acompanhada à exposição “Judeus de Coimbra | da Tolerância à Perseguição | Memórias e Materialidades”. A partir deste mês, a todos os terceiros sábados, terá lugar uma visita acompanhada à exposição, excepto nos meses de Julho, Agosto e Setembro. A mostra está exposta no Edifício da Inquisição e esta acção é dirigida a grupos formados com o mínimo de cinco e máximo de 25 pessoas. A actividade requer inscrição através do telefone 239 840 754 ou do e-mail museu.municipal@cm-coimbra.pt.

Já no dia 25 é inaugurada, na Galeria Almedina, a exposição “Veja e Frua”, de Carolina Mota. Nesta exposição, a artista convida os visitantes a envolverem-se nas manchas de cores e no bem-estar que a cor e os materiais podem transmitir. Vai estar patente até 17 de Março, na Galeria Almedina, e pode ser vista de terça a sexta-feira, das 10h00 às 18h00, e sábados e domingos, das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h00.

No dia 27, às 15h00, no CACC, vai ter lugar a habitual visita acompanhada pelo curador José Maçãs de Carvalho à exposição “Visitante Ocasional”. Às 16h00, do mesmo dia, decorre ainda a oficina “Artsketchers”, uma oficina de desenho assistido para maiores de 18 anos. A inscrição em ambas é gratuita e com vagas limitadas, sendo necessário efectuar a inscrição através do telefone 239 828 052 ou do e-mail centroartecontemporanea@cm-coimbra.pt.