Coimbra  17 de Novembro de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Motorista da CVP com 3,60 gr/l não pôde ser detido

12 de Maio 2019

Um motorista da Cruz Vermelha foi interceptado, ontem (11), pela PSP de Coimbra, com uma taxa de 3,60 gr/l (álcool por litro de sangue), mas requereu contra-prova e não pôde ser detido.

“Só depois de conhecidos os resultados da análise sanguínea é que poderá ser elaborado auto de notícia”, indicou fonte policial ao “Campeão”.

A taxa de alcoolemia detectada pela Polícia, na sequência de um acidente em que o condutor esteve envolvido, corresponde ao triplo da mínima (1,20 gr/l) a partir da qual há lugar a detenção.

O motorista é membro de uma delegação da Cruz Vermelha Portuguesa situada numa localidade do concelho de Montemor-o-Velho.

Segundo fonte policial, o condutor denotou escassa percepção acerca do melindre da situação ao alegar que ainda teria de transportar dois pacientes.

 

 

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com