Coimbra  24 de Julho de 2021 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Mosteiro de Santa Clara-a-Velha comemora Dia Internacional dos Monumentos e Sítios

16 de Abril 2021 Jornal Campeão: Mosteiro de Santa Clara-a-Velha comemora Dia Internacional dos Monumentos e Sítios

O Mosteiro de Santa Clara-a-Velha, em Coimbra, classificado como Monumento Nacional e Sítio Arqueológico, integra o programa das comemorações do Dia Internacional dos Monumentos e Sítios.

No próximo fim-de-semana, dias 17 e 18 de Abril, o Mosteiro propõe o encontro com o passado numa abordagem histórica, antropológica, arqueológica e pedagógica e convida a participar na visita interpretada D. Maria de Menezes – Um caso de vida e de morte e na oficina pedagógica O Brasão da Abadessa. As iniciativas, com participação gratuita, destinam-se ao público em geral e requerem marcação prévia.

O Dia Internacional dos Monumentos e Sítios (DIMS) foi criado pelo Conselho Internacional dos Monumentos e Sítios a 18 de Abril de 1982, e aprovado pela UNESCO no ano seguinte, com o objectivo de sensibilizar os cidadãos para a diversidade e vulnerabilidade do património, bem como para a necessidade da sua protecção e valorização. Em 2021, o ICOMOS propõe o tema Passados complexos: Futuros Diversos para as comemorações internacionais do DIMS.

O Mosteiro de Santa Clara-a-Velha tem a garantia de higiene e segurança atribuída pelo selo Clean & Safe, todas as actividades cumprirão as orientações da Direcção-Geral da Saúde com um limite de participantes que permitirá o distanciamento, sendo o uso de máscara obrigatório durante todo o período de permanência no espaço.

 

PROGRAMA:

VISITA INTERPRETADA D. MARIA DE MENEZES – UM CASO DE VIDA E DE MORTE

Dos cerca de 70 esqueletos exumados no Mosteiro de Santa Clara-a-Velha, destaca-se o caso de D. Maria de Menezes, o único indivíduo possível de identificar através da laje tumular que cobria a sua sepultura. A escavação arqueológica efectuada permitiu a recolha dos seus restos osteológicos e de espólio funerário associado ao enterramento, tornando possível uma recriação da sua biografia.

Nascida durante o século XV e tendo desempenhado as funções de abadessa no Mosteiro de Santa Clara de Coimbra a partir de 1520, D. Maria de Menezes terá falecido em 1529.

Horário: 10h30 e 11h30

Público-alvo: Público em geral

N.º de participantes por visita: Oito

 

OFICINA PEDAGÓGICA O BRASÃO DA ABADESSA

A oficina convida à descoberta dos brasões existentes no Mosteiro de Santa Clara-a-Velha, nomeadamente do brasão da abadessa D. Maria de Menezes. Além de transmitir noções básicas de heráldica a oficina inclui a decoração de uma réplica do brasão da abadessa, recorrendo a um modelo em gesso e pintura com tintas.

Horário:  das 10h00 às 12h00

Participantes: mínimo de três e máximo de oito

Público-alvo: Crianças dos seis aos 12 anos