Coimbra  29 de Maio de 2020 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Miranda do Corvo atribui verba a instituições para compra de material de protecção

2 de Abril 2020 Jornal Campeão: Miranda do Corvo atribui verba a instituições para compra de material de protecção

O Município de Miranda do Corvo atribuiu, na terça-feira (31), um subsídio extraordinário de 5 400 euros às três instituições do concelho que albergam Estruturas Residenciais para Idosos (ERPI) para aquisição de material de protecção.

A verba destina-se proporcionalmente em função do número de utentes à Fundação ADFP (3 150 euros), Casa de Repouso — O Solar das Chãs (1 275 euros) e Lar Dr. Clemente de Carvalho (975 euros) e terá de ser usado na aquisição de material de protecção individual para, desta forma, minimizar o risco de disseminação do covid-19 nestas entidades.

“Este apoio municipal será fundamental para estas instituições cumprirem a ‘Orientação 009/2020’, de 11 de Março, da Direcção-Geral da Saúde e que institui às ERPIs e Unidades de Cuidados Continuados Integrados (UCCI) da Rede Nacional de Cuidados Continuados (RNCCI) para que possam assegurar os recursos necessários para proteger funcionários, colaboradores e utilizadores”, adiantando que tal passa pela disponibilização de “equipamentos, suficientes e acessíveis em todos os locais da instituição para reduzir a disseminação da infecção (equipamento para lavar as mãos ou produtos para higienização das mãos; toalhas de papel e recetáculos para a sua eliminação; máscaras cirúrgicas para colocação nos funcionários ou colaboradores ou utentes que iniciem sintomas respiratórios na instituição”, sublinha a Câmara Municipal.

Refira-se que “a distribuição do subsídio extraordinário resultou de informações obtidas junto das três entidades e que apontam para que nas ERPI e UCCI do concelho estejam 210 utentes na Fundação ADFP, 85 utentes na Casa de Repouso — O Solar das Chãs e 68 utentes no Lar Dr. Clemente de Carvalho”, nota.