Coimbra  3 de Julho de 2020 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Mira tem tudo preparado para o arranque oficial da época balnear

16 de Junho 2020 Jornal Campeão: Mira tem tudo preparado para o arranque oficial da época balnear

A Câmara de Mira, em cujo concelho se situa a única praia do mundo com Bandeira Azul desde o arranque deste galardão, garantiu já ter tudo preparado para o começo da época balnear.

A Praia de Mira terá, este ano, um limite máximo de 13 700 banhistas, nos 1 200 metros do seu areal vigiado, uma limitação imposta pela Agência Portuguesa do Ambiente (APA) e que coloca esta zona balnear entre as 10 praias com maior lotação do país.

“É uma grande responsabilidade e um orgulho, e tudo faremos para estar à altura da reputação de qualidade da única praia do mundo que ostenta a Bandeira Azul desde o arranque deste galardão”, disse à agência Lusa o presidente da Câmara de Mira, Raul Almeida.

O autarca pede aos frequentadores da Praia de Mira “bom senso e responsabilidade”, acrescentando que estará tudo pronto para o arranque oficial da época balnear, no sábado (20). O pedido abrange também a outra praia do concelho, Poço da Cruz, que tem uma lotação máxima de 1 500 pessoas estabelecida pela Agência Portuguesa do Ambiente (APA).

Durante a época balnear deste ano, os utentes das praias devem assegurar um distanciamento físico de 1,5 metros entre diferentes grupos e afastamento de três metros entre chapéus-de-sol, toldos ou colmos, segundo um decreto-lei aprovado pelo Governo.

De maneira a respeitar as orientações da Direcção-Geral da Saúde, no âmbito do combate à covid-19, os banhistas serão recebidos nas praias de Mira por um novo sistema de bandeiras (equivalente aos semáforos) indicativo da ocupação do areal.

As informações serão recolhidas em permanência pelos nadadores-salvadores, em articulação com funcionários da autarquia, sendo também encaminhadas para a APA, para uso na nova aplicação para telemóveis “Info Praia”, que pode ser descarregada para Android e IOS.

Todo o processo será coordenado pelo responsável pelos serviços municipais de Protecção Civil do concelho, garante Raul Almeida.

As actividades tradicionais no areal, como jogos de futebol, sessões de fitness e espectáculos ao vivo estarão suspensas este ano, embora a Câmara esteja a estudar um sistema que permita manter alguma animação nocturna em condições que respeitem as normas de distanciamento físico.

As praias de Mira já estão a ser vigiadas desde o dia 23 de Maio, graças a um protocolo entre a Câmara Municipal e a Associação Adamastor, que assegura no areal o denominado Serviço de Prevenção ao afogamento, que vai durar até Outubro.

No dia 26 de Junho (sexta-feira), será hasteada a Bandeira Azul na Praia de Mira, numa cerimónia que coincidirá com a abertura oficial do novo passadiço, que permitiu aumentar para Sul em 400 metros a extensão da praia vigiada.

A nova extensão de praia vigiada dispõe de um posto salva-vidas e o apoio de um bar que já existe junto ao molhe, com novos pontos de acesso para além da avenida marginal e estacionamento do Lago do Mar.

O passadiço representou um investimento de 145 000 euros financiado em 85 por cento por fundos comunitários, através do POSEUR (Programa operacional sustentabilidade eficiência e uso de recursos) do Portugal 2020.