Coimbra  12 de Maio de 2021 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Mira apresenta orçamento superior a 19 milhões de euros para 2021

25 de Novembro 2020 Jornal Campeão: Mira apresenta orçamento superior a 19 milhões de euros para 2021

A Câmara de Mira aprovou, hoje, o orçamento para 2021, num valor superior a 19 milhões de euros, montante que representa o maior investimento desde 2011.

O Orçamento e Grandes Opções do Plano para 2021, apresentadas pelo Executivo social-democrata, conheceram os votos contra do PS.

“Este documento de gestão do 4.º e último ano do presente mandato autárquico mantém os princípios de gestão que temos vindo a gerir nos últimos sete anos e que se baseiam em valores como a transparência, o rigor e o cumprimento dos compromissos assumidos com os mirenses”, refere o presidente do Município, Raul Almeida, à agência Lusa.

O presidente da Câmara explica ainda que, em 2021, se vai continuar a “aumentar a realização de investimento, com um vasto conjunto de projetos, obras e eventos em todas as áreas da gestão municipal e por todo o município, aproveitando ao máximo os fundos comunitários” e na sequência de um plano de ação estratégico aprovado em 2015.

“Deste modo, investimentos como a requalificação da Zona Industrial Polo 1, a recuperação contínua da rede viária, a valorização dos viveiros da Barrinha, a requalificação dos parques de estacionamento do Lago do Mar e do Poço da Cruz, a construção do Canil Municipal, a finalização das bancadas e dos balneários municipais, a reflorestação da área ardida em 2017 ou a construção da rotunda do matadouro são apenas alguns dos exemplos de obras estruturantes que tocam nos vários eixos de intervenção da Câmara Municipal, tais como: ambiente, desporto, juventude, turismo, natureza, segurança rodoviária. Sempre com o objectivo comum de melhorar a qualidade de vida dos mirenses”, destaca o Município.

Este orçamento, de acordo com a Câmara, representa um “crescimento de 9,16 por cento face a 2020, com uma verba de investimento público de 8,3 milhões de euros”.

“Do orçamento total, 43 por cento é alocado ao investimento público, um aspecto extremamente importante face ao contexto de crise económica. O Município de Mira pretende, ainda, ter um papel de catalisador da retoma económica, que se pretende que seja iniciada no decurso de 2021, reforçando o investimento e apoio público às diversas entidades como forma de estimular o desenvolvimento e crescimento económico do concelho”, acrescenta.

O Município destaca também que, “tal como tem vindo a ser feito nos exercícios anteriores, o Orçamento pretende aproveitar ao máximo as oportunidades P2020”.

Raul Almeida adianta que já foram executadas, neste âmbito, investimentos num valor de 3,3 milhões de euros.

“O documento agora aprovado foi o primeiro exercício orçamental elaborado ao abrigo do novo normativo contabilístico que regula a actividade das entidades pública (SNC-AP)”, sublinha a Câmara.

Este ano, “com o país e o mundo a viver uma situação excepcional originada pela covid-19, o combate à pandemia tornou-se, desde Março de 2020, uma prioridade de primeira linha”, recorda a autarquia, destacando ser necessário “continuar a dar, em 2021, toda a determinação com uma estratégia e os meios necessários”, para que a Câmara seja “parte activa deste combate, em que todos estão envolvidos e para que esta seja uma forma de regressar à normalidade com a maior brevidade possível”.