Coimbra  20 de Agosto de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

“Mega Esplanada” anima praças e ruas do centro de Soure

19 de Julho 2019

O centro urbano de Soure volta a encher-se de vida com o já tradicional evento “Mega Esplanada”, que começa hoje e decorre até domingo (21).

Durante três dias e noites o centro da vila transforma-se numa enorme esplanada, onde 10 estabelecimentos de restauração darão a conhecer o que de melhor se faz na região a nível gastronómico.

Com o objectivo de promover aquela zona, dinamizar a economia local, promover a gastronomia e reunir a população, a Associação Empresarial de Soure (AES), com o apoio da Câmara Municipal de Soure, continua a apostar neste evento que vai para a sua nona edição.

A organização mantém “as expectativas elevadas, esperando que haja muito público neste evento que tem sido um sucesso desde o primeiro ano. Esta é, sem dúvida, uma forma dos sourenses e os visitantes de outros concelhos conviverem”, refere Carlos Mendes, presidente da AES.

Com a gastronomia em destaque, muitas são as atracções que complementam o certame, desde artesanato, folclore, marchas populares, encontro de clássicos, uma exposição, passeio turístico, o arraial de São Tiago e a conhecida “Feira sem regras”.

Assim, a “Mega Esplanada” abre hoje, pelas 19h00, com a mostra de artesanato e os jantares nas esplanadas do centro urbano.

Animação não vai faltar ao longo da noite com o arraial de São Tiago a iniciar pelas 21h00, no centro da vila, onde decorrerá o desfile das Marchas Populares com os grupos: Marcha da Casa de Saúde Rainha Santa Isabel; APPACDM de Soure; CERCIPOM de Pombal; APPC de Coimbra; Santa Casa da Misericórdia de Soure; Manjericos Santo António da Freguesia da Vinha da Rainha; Marchas do Grupo Artes de Palco de Vila Nova de Anços; Marchas do C.R. da Cegonheira de Antanhol; e Marcha da União Desportiva de Casével.

Já no sábado (20) as festividades começam mais cedo, com os estabelecimentos a servirem almoços nas esplanadas a partir das 12h30. Segue-se a arruada pela Banda de Soure, a partir das 18h00.

Pelas 19h00 começam a ser servidas novamente as refeições e às 21h30 decorre aquele que “é considerado o ponto alto da festa”, segundo Carlos Mendes, com a actuação dos grupos de folclore no XX Festival de Folclore da Santa Casa da Misericórdia de Soure, que esta edição conta com o Rancho Folclórico da Santa Casa da Misericórdia de Soure – Beira Litoral – Mondego; Rancho Folclórico S. Guilherme – Alta Estremadura; Rancho Lavradeiras da Trofa – Douro Litoral – Norte; e o Rancho Típico Sambrasense – Algarve.

O último dia de festa inicia-se cedo, pelas 09h00 com a bem conhecida “Feira sem Regras”, na praça da República, e, ainda, o Encontro de Viaturas e Motorizadas Clássicas que culminará com um passeio turístico pelo concelho de Soure.

O encontro, que tem organização da AES e da Junta de Freguesia de Soure, contará, também, com uma exposição junto à Câmara Municipal.

Já pelas 12h30 iniciam-se mais uma vez os almoços nas esplanadas e pelas 16h00 realiza-se o XVI Encontro de Danças e Cantares da APPACDM de Soure. A partir das 19h00, servem-se as últimas refeições do evento.

Este ano a parte gastronómica terá ainda mais sabor com a realização do Fim-de-Semana do Borrego. A iguaria será confeccionada de diversas formas pelos vários estabelecimentos aderentes, prometendo fazer as delícias dos apreciadores desta especialidade.

 

 

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com