Coimbra  24 de Setembro de 2021 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Medicina Legal: Presidente sem renovação de mandato

19 de Dezembro 2016

Francisco Brízida Martins não vai ser reconduzido na presidência do Instituto de Medicina Legal para o triénio 2017-2019, soube o “Campeão”.

Juiz desembargador, do Tribunal da Relação de Coimbra, o magistrado judicial foi investido como timoneiro do Instituto Nacional de Medicina Legal e Ciências Forenses (INMLCF) em Janeiro de 2014, mediante escolha da então ministra da Justiça, Paula Teixeira da Cruz.

Brízida Martins substituiu, então, Duarte Nuno Vieira, apeado pela outrora governante.

Duarte Nuno – que, hoje em dia, é director da Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra – tinha sido nomeado para aquele cargo, em 2001, pelo então ministro da Justiça, António Costa.