Coimbra  28 de Novembro de 2021 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Maria Cipriano é a nova presidente da Sociedade Portuguesa de Anatomia Patológica

22 de Novembro 2021 Jornal Campeão: Maria Cipriano é a nova presidente da Sociedade Portuguesa de Anatomia Patológica

Maria Augusta Cipriano foi eleita, no dia 19, presidente da Direcção da Sociedade Portuguesa de Anatomia Patológica (SPAP) para o triénio 2021-2024.

A recém-eleita é assistente graduada sénior de Anatomia Patológica, directora interina do Serviço de Anatomia Patológica do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC), e membro do Colégio da Especialidade.

Maria Augusta Cipriano garante que “os membros que integram os Órgãos Sociais da SPAP para este triénio, propõem-se trabalhar arduamente para manter a estratégia e a excelência delegadas, acrescentando novos projectos e cumprindo o plano de acção definido, assente em dois pilares fundamentais: o plano educativo/científico e o plano de comunicação/dinamização.”

A nova presidente da Direcção da SPAP conta que “em tempo de grandes desafios queremos afirmar a SPAP no plano nacional e internacional, torná-la mais visível e dinâmica, ao serviço dos seus associados e na qual todos se sintam representados.” Outro factor de relevo desta nova Direcção prende-se com “a importância de trazer os jovens médicos para a SPAP, através do núcleo de internos e duma Direcção com membros bastante jovens e interventivos, estando Serviço: Gabinete de Comunicação Informação e Relações Públicas também prevista a atribuição anual de uma bolsa de formação” refere Augusta Cipriano.

“A SPAP é composta por mais de 250 sócios e tem uma história de quase sessenta anos, que queremos engrandecer. Construir um elo sólido com outras Sociedades Científicas e com o Colégio da Especialidade, bem como com profissionais de outras áreas das ciências e tornar a SPAP num veículo que permita melhorar a qualidade na formação, na investigação e nas condições de trabalho, projectando a expansão e a divulgação do conhecimento realizado em Portugal,” são alguns dos projectos e objectivos para Maria Augusta Cipriano.