Coimbra  27 de Setembro de 2020 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Lousanense José Luís Santos venceu concurso internacional de fotografia

4 de Agosto 2020 Jornal Campeão: Lousanense José Luís Santos venceu concurso internacional de fotografia

O fotógrafo lousanense José Luís Santos venceu, recentemente, um concurso internacional sobre a “Rota da Seda”, promovido pela Silk Road Universities Network.

Nesse âmbito, a Câmara Municipal da Lousã aprovou, ontem (03), por unanimidade, um voto de reconhecimento ao artista.

José Luís Santos é professor, licenciado em História e mestre em História Contemporânea com a tese “O Fotojornalismo nas Guerras da Informação. A cobertura da Guerra Civil de Espanha pela imprensa ibérica”, pelo Instituto de História e Teoria das Ideias da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra (FLUC), investigação para a qual recebeu uma bolsa de mérito do Centro de Estudos Ibéricos.

Os espaços culturais municipais têm recebido, com regularidade, o resultado das viagens do fotógrafo e do seu olhar sobre as coisas, numa perspectiva de cidadão do mundo, interessado nas culturas e nas gentes, mas também com um olhar crítico sobre a evolução histórica e sobre os fenómenos sociais e políticos que têm moldado determinados países e sociedades.

Na Europa Ocidental e Central, nos Balcãs, na Ásia Central e no Médio Oriente já estiveram patentes exposições resultantes das suas deambulações, como: Kosovo (2005), O Pão (2007), Mundo de Palmo e Meio (2008), Estrada Fora, comemorativa de uma década de viagens (2013), Muro da Palestina (2015), Rota da Seda (2016) e sobre Auschwitz (2017). O artista participou, ainda, na exposição “Molduras de uma Tragédia”, em 2018.

Ademais, as fotos de José Luís Santos têm sido publicadas em diversos órgãos de informação e revistas de referência, sendo muito agraciadas. A título de exemplo, em 2007 foi premiado na 7.ª edição do Prémio Fotojornalismo Visão/BES.

No âmbito da geminação com Prades, também integrou uma delegação da Lousã a esta vila e participou num concurso de fotografia, em 2007, tendo conquistado uma menção honrosa.