Coimbra  25 de Agosto de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Lousã promove-se oferecendo o que tem de melhor: mel e castanhas

16 de Novembro 2018

A gastronomia, a par dos produtos endógenos, é para o concelho da Lousã uma das suas mais-valias e, por isso, decorre este fim-de-semana (de sexta-feira a domingo), a 29.ª Feira do Mel e da Castanha.

O Parque Municipal de Exposições volta a ser o epicentro do evento, que “mantém a dinâmica de crescimento e aposta na qualidade, afirmando-se claramente como a melhor feira do mel e da castanha do país”, salienta a autarquia lousanense, responsável pela organização.

No espaço estarão reunidos cerca de 150 expositores, com produtos de grande qualidade, desde logo pela presença de apicultores com mel de Denominação de Origem Protegida (DOP), bem como de outros produtores, comerciantes de castanha e de outros produtos endógenos, instituições, mostra de artesanato com abrangência nacional, cinco tasquinhas gastronómicas dinamizadas por associações locais e uma mostra de gastronomia diversificada com produtos de todo o país.

Nesta edição, a Região de Ribatejo Norte DOP é a entidade convidada para estar presente e dar-se a conhecer no concelho da Lousã.

A acompanhar a vertente expositiva, os visitantes têm à disposição um programa de animação vasto e diversificado, com enfoque nas actividades promovidas e dinamizadas por instituições e artistas locais. Mas, pelo palco principal da feira, vão também passar artistas de renome nacional, como o caso de David Antunes e Vanessa Silva, Pedro Tochas e o programa da RTP “Aqui Portugal”.

O certame abre ao público, amanhã (16), pelas 17h00, com uma programação que vai incluir “Mimo´s Street Parade”, a actuação de Ramiro Simões e o espectáculo “O Nariz Preto”, de Pedro Tochas, inserido no projecto “Coimbra, Região de Cultura”.

Para sábado (17), entre as 11h00 e as 19h00, a feira e a vila da Lousã terão projecção nacional e internacional com transmissão, em directo, do programa da RTP “Aqui Portugal”, nos jardins junto à Câmara Municipal. Segue-se uma tarde com a actuação da Academia de Bailado da Lousã e da Academia “Hora Bolas”; sessões de ‘showcooking’; uma actuação da Fanfarra Kaústika e, mais tarde, de João Francisco, terminando o dia com o espectáculo de David Antunes e Vanessa Silva.

No último dia de feira, domingo (18), realiza-se a tradicional caminhada de S. Martinho, pelas 08h30. À tarde, depois de duas sessões de ‘showcooking’, segue-se o tradicional magusto, aberto a toda a população e oferecido pela Câmara Municipal da Lousã, que será acompanhado pela música do Grupo Etnográfico da Região da Lousã.

A 29.ª edição do certame tem uma outra particularidade, por ter sido considerada como ‘Ecoevento’ ERSUC, uma iniciativa que “desafia os organizadores da feira a destacarem-se pelo compromisso de redução do impacte ambiental resultante do evento, promovendo a gestão adequada de resíduos”, revela a autarquia.

Esta é, por isso, uma responsabilidade acrescida para a Feira do Mel e da Castanha, atribuindo-lhe mais “preocupação e sustentabilidade”, algo que a organização espera que seja “reconhecido pelos participantes”.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com