Coimbra  22 de Abril de 2021 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Lousã aprovou delegação de competências do projecto de gestão do Rio Ceira

26 de Fevereiro 2021 Jornal Campeão: Lousã aprovou delegação de competências do projecto de gestão do Rio Ceira

A Assembleia Municipal da Lousã aprovou, ontem (25), a delegação de competências na Comunidade Intermunicipal da Região de Coimbra (CIM RC) para gestão do projecto da “Bacia Hidrográfica do Rio Ceira face às alterações climáticas”, com o objectivo de potenciar a gestão de recursos, no âmbito do contrato de Mecanismo Financeiro do Espaço Económico Europeu 2014-2021 (EEA GRANTS 2014-2021).

Recorde-se que o contrato celebrado visa “a adequada execução do ‘Programa de Desenvolvimento – Projecto 3 da Bacia do Rio Ceira’, criado com o objectivo de dar resposta às alterações climáticas e contribuir para um desenvolvimento sustentável”, informou a autarquia da Lousã.

Neste projecto são, ainda, parceiros os municípios de Góis, Arganil e Pampilhosa da Serra, a CIM RC, a Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto e a Agência Portuguesa do Ambiente.

Segundo o Executivo, “este projecto tem um valor global de 2,6 milhões euros, sendo que 360 000 serão investidos no concelho da Lousã onde, para além de acções imateriais, serão realizadas diversas intervenções, nomeadamente a beneficiação de açudes na freguesia de Serpins”.

Através dos EEA Grants, mecanismo financeiro do espaço económico europeu, a Islândia, o Liechtenstein e a Noruega estabeleceram o objectivo de reduzir as disparidades sociais e económicas na Europa, reforçando as relações bilaterais com os Estados beneficiários.

De referir que Portugal vai beneficiar de uma verba superior a 102 milhões de euros.