Coimbra  18 de Outubro de 2021 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Loulé atribui nome de Joaquim Romero Magalhães ao Arquivo Municipal

15 de Abril 2021 Jornal Campeão: Loulé atribui nome de Joaquim Romero Magalhães ao Arquivo Municipal

A Câmara Municipal de Loulé vai atribuir o nome de Joaquim Romero Magalhães ao Arquivo Municipal, no próximo dia 18, data do seu aniversário.

A cerimónia, que está marcada para as 11h00 no Arquivo Municipal, contará com a presença de Álvaro Garrido, director da Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra (FEUC), e de Luísa Magalhães, viúva do professor. Nesta ocasião será descerrada uma placa com o nome do falecido professor da FEUC.

Também neste mesmo dia será entregue o prémio de investigação Joaquim Romero de Magalhães, instituído pela Câmara Municipal de Loulé, através da revista ‘Al-‘Ulià’, editada pelo Arquivo Municipal que recebe agora o seu nome, que visa premiar trabalhos de investigação sobre o património histórico-cultural do concelho de Loulé.

Este prémio, bienal, instituído em Novembro de 2018, quando a Revista ‘Al-‘Ulià’ completava 25 anos de existência, foi criado para homenagear Joaquim Romero Magalhães, eminente historiador natural do concelho, um dos seus grandes impulsionadores da revista, que sempre contribuiu para a divulgação da documentação histórica do Arquivo Municipal de Loulé.

Segundo Álvaro Garrido, a atribuição do nome de Joaquim Romero Magalhães ao Arquivo Municipal, um dos mais importantes do país, “é o reconhecimento de uma grande personalidade algarvia e da vida académica e cívica portuguesa, de um historiador muito culto e cuja influência irá perdurar na historiografia portuguesa e internacional”. Para a Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra, onde fez toda a sua vida académica e deu um contributo fundamental para a gestão da escola, “esta distinção tem um grande significado e é motivo de honra”, afirmou o director da FEUC.