Coimbra  17 de Junho de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Livro de poesia de Francisco d’Eulália é apresentado em Coimbra

21 de Fevereiro 2019

“Tantos dias, estranhos dias” é o título do mais recente livro de Francisco d’Eulália, cuja apresentação, a cargo de Cristina Robalo Cordeiro, é feita, sexta-feira (18h00), na Casa da Escrita de Coimbra.

Francisco d’Eulália é o pseudónimo de José de Faria Costa, anterior titular da Provedoria de Justiça, ex-director da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, outrora membro do Conselho Superior de Magistratura (eleito pelo Parlamento) e antigo presidente da Comissão de Fiscalização dos Serviços de Informações da República.

Francisco d’Eulália, cujo primeiro livro de poemas é intitulado “A raiz do teu gesto”, iniciou a sua vida literária, em 1999, com a publicação de “Belém e outros escritos breves”.

Sobre o segundo livro de poesia da autoria de Faria Costa escreveu Cristina Robalo Cordeiro o seguinte: “(…) na realidade, a poesia, a boa, a verdadeira, não seria o que é se não começasse por cegar o leitor, e particularmente o crítico, cuja tarefa é (justamente) a de esclarecer”.

“Agora, é deixar o autor falar, por interposta Maria”, sugere Teresa Pizarro Beleza, no prefácio de “Tantos dias, estranhos dias”.

Se Francisco d’Eulália “inventou ou conheceu” [Maria], se “foi por ela amado ou abandonado, não interessa; tudo é fingimento, mesmo se, acaso, deveras sente”, conclui Teresa Beleza, licenciada em Direito (pela Universidade de Coimbra) e professora catedrática da Universidade Nova de Lisboa.

“Tantos dias, estranhos dias” tem chancela da editora Âncora.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com