Coimbra  29 de Novembro de 2020 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Liga Contra o Cancro do Centro com plano de apoio a unidades de saúde

3 de Abril 2020 Jornal Campeão: Liga Contra o Cancro do Centro com plano de apoio a unidades de saúde

O Núcleo Regional do Centro da Liga Portuguesa Contra o Cancro (LPCC) está a implementar um plano estruturado que, primeiro auxilia as instituições hospitalares, depois (e rapidamente), os centros de saúde, lares e residências de idosos de toda a região Centro.

O plano estará a decorrer durante a fase crítica desta pandemia, e “logo que os aspectos logísticos estejam mais normalizados, o plano visa manter e reforçar o apoio aos doentes oncológicos e suas famílias”.

Entre outros apoios, a Liga irá distribuir bens e material de protecção individual, uma acção que ja começou no Instituto Português de Oncologia de Coimbra (IPOC), e que está a ser alargado rapidamente a outras unidades hospitalares de toda a região Centro, bem como aos centros de saúde, lares e residências de idosos.

A intenção é, em primeiro lugar, auxiliar os profissionais de saúde, e desta forma proteger, nomeadamente, os doentes oncológicos.

Assim, até hoje, o Núcleo Regional do Centro já procedeu à distribuição de:

  • 6064 bens alimentares a doentes e profissionais de saúde, no IPOC, nomeadamente com produtos como leite, néctares, bolachas uni-dose, compotas variadas e águas;
  • 500 viseiras de protecção individual, no IPOC e no Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC);
  • 60 botas e cogulas, confeccionadas pelos seus voluntários, no CHUC;
  • seis guichés acrílicos de protecção no IPOC;
  • 775 produtos (como viseiras, máscaras cirúrgicas, álcool e toalhitas de solução alcoólica) a diversas estruturas de apoio a idosos;

Neste momento, o Núcleo do Centro da Liga encontra-se a ultimar vários outros processos de aquisição de bens, equipamentos e materiais, representando esta acção “um esforço financeiro global na ordem dos 145 000 euros” e, por isso, “perspectiva-se a entrega, nos próximos dias de mais: 6400 viseiras de protecção e 206 unidades de acrílicos de protecção para guiché; 11 300 bens alimentares a doentes e profissionais de saúde, nomeadamente leite, néctares, bolachas uni-dose, compotas variadas e águas; 5000 máscaras cirúrgicas, 2000 máscaras FFP2 e 240 unidades de álcool (250 ml).

Nesta operação inicial de doação de bens e materiais o Núcleo do Centro distribuirá mais de 33 000 produtos.

Segundo a Liga, este Núcleo está “mobilizado para, imediatamente após esta fase activa de entrega de bens e materiais, manter e reforçar o apoio ao doente oncológico e familiares. Operacionalizará, a nível regional e local, um programa de apoio, a médio e longo prazo, que estabelece três grandes estratégias de intervenção, mediante o reforço de serviços, nomeadamente do apoio social, apoio jurídico e psico-oncológico,em formato não presencial”.

A LPCC disponibiliza, ainda, apoio através da linha informativa nacional, Linha Cancro (808 255 255), que está a funcionar em pleno.

Liga Portuguesa Contra o Cancro faz donativo de 250 000 euros

Já a nível nacional, a Liga Portuguesa Contra o Cancro (LPCC) vai disponibilizar uma verba até 250 000 euros para testes covid-19 aos três Institutos Portugueses de Oncologia (Lisboa, Porto e Coimbra) e outras instituições de saúde hospitalares nacionais de referência oncológica.

Esta medida é tomada com o objectivo de “minorar o contágio por covid-19 entre os profissionais de saúde e doentes oncológicos nestas instituições. Os critérios e procedimentos deverão ser definidos pelas administrações das unidades hospitalares”, revela.

Este apoio é independente e complementar a todos os apoios que a LPCC e os seus núcleos regionais do Continente e regiões autónomas tinham já e que reforçou, nomeadamente, nas áreas social, emocional e do apoio jurídico.

Para o presidente da Liga, Vítor Rodrigues, esta medida “vem reforçar o apoio da LPCC numa fase crítica para oncologistas e doentes oncológicos ao proteger os profissionais de saúde estamos a proteger os doentes oncológicos e seus familiares”.

Recorde-se que a LPCC reforçou o seu apoio social online face à situação actual de pandemia de Covid-19, num apoio claro aos doentes oncológicos e a toda a população.

A LPCC mantém o serviço de apoio social através dos seus núcleos regionais e das consultas de psico-oncologia em formato não presencial. Também as suas linhas informativas – Linha Cancro (…) e Linha Pulmão (…), estão a funcionar em pleno e o Serviço de Apoio Jurídico também em formato não presencial.

Contudo, todas as iniciativas da LPCC que envolvem contacto directo com a população estão suspensas.