Coimbra  23 de Setembro de 2020 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

IPN promove 6.ª edição da “Portugal Space Summer School”

8 de Setembro 2020 Jornal Campeão: IPN promove 6.ª edição da “Portugal Space Summer School”

A partir de hoje e até sexta-feira (11), o Instituto Pedro Nunes (IPN), em Coimbra, vai apoiar empreendedores no desenvolvimento de projectos inovadores que incorporem tecnologia aeroespacial no âmbito da 6.ª edição da “Portugal Space Summer School”.

A iniciativa, realizada em parceria com o Observatório Geofísico e Astronómico da Universidade de Coimbra (UC), conta com a participação de cerca de 40 estudantes e empreendedores, que se irão reunir em modo remoto para explorarem a economia do espaço e proporem ideias para o desenvolvimento de projectos inovadores que incorporem tecnologia aeroespacial.

A “Portugal Space Summer School” dá acesso a “conhecimento, tecnologias e recursos gerados nas missões espaciais e nas actividades científicas de exploração do Espaço para criar soluções inovadoras para negócios terrestres, em áreas como cidades inteligentes, transportes, saúde, agricultura e ambiente, ou para o mercado espacial comercial”, nota o IPN.

A iniciativa inclui, ainda, um concurso de ideias para a criação de modelos de negócio que usem activos espaciais. Os participantes irão responder a desafios e terão mentoria de especialistas para melhorarem as suas propostas e apresentações.

Quem participar terá, também, a oportunidade de assistir a “talks” temáticas, fazer ‘networking’ com a comunidade do espaço em Portugal, desenvolver competências de empreendedorismo e ganhar brindes e prémios.

A sessão final da “Portugal Space Summer School” conta com a participação de Vera Pinto Gomes, que trabalha no sector do Espaço na Comissão Europeia, e Chiara Manfletti, presidente da Agência Espacial Portuguesa.

A “Portugal Space Summer School” é apoiada pelo projecto europeu Astropreneurs e conta com a colaboração do Centro de Investigação da Terra do Espaço da Universidade de Coimbra, do Laboratório de Instrumentação e Física Experimental de Partículas e das incubadoras INCUBA+, Sanjotec, Nonagon e UBImedical.

Esta edição conta, ainda, com o apoio das empresas Cityoo, Delox, D-Orbit, Ilex Space, Matereospace e Present Technologies.