Coimbra  29 de Maio de 2020 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

IPC aumenta em mais de 30 por cento número de publicações científicas

3 de Abril 2020 Jornal Campeão: IPC aumenta em mais de 30 por cento número de publicações científicas

O Instituto Politécnico de Coimbra (IPC) registou um aumento de mais de 30 por cento do número de publicações científicas entre 2018 e 2019, passando de 274 para 364.

Os dados estão associados ao número de publicações do IPC indexadas na base de dados “Scopus”, referiu o director do Instituto de Investigação Aplicada (i2A), Jorge Bernardino.

O i2A “é uma unidade orgânica transversal a todo o IPC, que visa promover a investigação aplicada, a transferência de conhecimento, a prestação de serviços e a formação avançada, com vista à afirmação nacional e internacional da investigação científica” ali realizada, salientou o Politécnico de Coimbra.

“O Instituto de Investigação Aplicada procura responder aos principais desafios da sociedade contemporânea, ajudando a indústria e a comunidade por meio do desenvolvimento de áreas interdisciplinares emergentes”, realçou Jorge Bernardino, referindo que é estimulada a participação dos próprios estudantes nas actividades de investigação.

O i2A é constituído por seis laboratórios de inovação e desenvolvimento e uma unidade de inovação e desenvolvimento, única na região Centro no domínio das ciências agrárias, alimentares e do ambiente – o CERNAS (Centro de Estudos em Recursos Naturais, Ambiente e Sociedade).

O Instituto de Investigação Aplicada tem, actualmente, 620 investigadores associados. Ciências agrárias, ciências da educação, turismo e lazer, comunicação social, informática e engenharias e saúde são algumas das áreas de trabalho.