Coimbra  29 de Maio de 2024 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

INOVA-EM avança com projecto de saneamento na Zona Industrial de Cantanhede

12 de Setembro 2023 Jornal Campeão: INOVA-EM avança com projecto de saneamento na Zona Industrial de Cantanhede

A empresa municipal INOVA-EM anunciou a adjudicação de uma empreitada para a “Ampliação do Sistema de Saneamento do Concelho de Cantanhede”. Esta intervenção terá um foco especial na zona onde a empresa possui o ecocentro, viveiros e uma quinta dedicada à agricultura biológica. Além disso, está prevista a construção das novas instalações administrativas e logísticas.

A obra, orçada em 102.820 euros, tem um prazo de execução de 120 dias e abrange a instalação de um emissário/interceptor dentro dos limites dos terrenos propriedade da INOVA. O objectivo é desactivar a estação elevatória de águas residuais actual, encaminhando os caudais para o sistema em alta, sob responsabilidade da Águas do Centro Litoral (AdCL), onde serão tratados em nível terciário na futura Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) das Cochadas, assim que esta estiver concluída.

A construção desta ETAR representa um investimento total de 12,8 milhões de euros, financiado pelo POSEUR – Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos. Este montante, gerido pela AdCL, inclui uma intervenção para aumentar a capacidade das infra-estruturas, num valor de 3,7 milhões de euros, com o propósito de reforçar o sistema de saneamento da Ria Sul-Aveiro e resolver questões de saneamento nos municípios de Cantanhede e Mira.

A instalação da rede de drenagem de águas residuais nos terrenos da INOVA-EM na Zona Industrial de Cantanhede é um investimento independente da empresa municipal. No entanto, considerando a interligação com o sistema em alta da AdCL e as suas restrições, o caderno de encargos da empreitada especifica que as condutas devem ser semelhantes em diâmetro máximo e material utilizado.