Coimbra  19 de Setembro de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Incêndios: Região de Coimbra lança campanha de sensibilização

1 de Julho 2019

A Comunidade Intermunicipal (CIM) Região de Coimbra lançou, hoje, a campanha “Região Sempre Verde”, iniciativa destinada a sensibilizar a população dos seus 19 concelhos para os comportamentos de risco no período crítico.

A campanha, apresentada na Quinta da Cerca, no Espinhal, concelho de Penela, consiste na distribuição de folhetos com as boas práticas a adotar pelas pessoas e na divulgação de vídeos nas redes sociais.

“As queimas são um dos maiores factores de incêndios e as pessoas devem saber que há alternativas”, sublinhou o vice-presidente da CIM, Carlos Monteiro, salientando que a campanha é uma “tentativa de uniformizar comportamentos” nos 19 concelhos da região.

Numa segunda fase, a partir de Outubro, a iniciativa pretende ensinar “boas práticas de gestão florestal”, nomeadamente como fazer a gestão de faixas de gestão de combustível, acrescentou o também presidente do Município da Figueira da Foz.

Orçada em 10 000 euros, com o lema “por uma região sem fogos”, a campanha é totalmente suportada pelo Fundo Recomeçar, financiado pela Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, para apoiar as vítimas dos grandes incêndios de 2017.

Presente na cerimónia, o comandante distrital de Operações de Socorro, Carlos Luís Tavares, referiu que “os incêndios não se combatem, evitam-se”, salientando que todos os cidadãos “têm de perceber que se tem de evitar as situações de risco”.

Frisando que a sensibilização é muito importante, o presidente do Município de Penela, anfitrião da cerimónia, alertou que é preciso perceber a arquitetura da Protecção Civil “para cada um saber o seu papel”.

“Sem planeamento e ordenamento florestal não é possível uma política eficaz de combate aos incêndios. É preciso planear e organizar melhor e depois estruturar”, sustentou o autarca Luís Matias.

A campanha tem a duração de um ano e, no final, segundo Carlos Monteiro, “é preciso avaliar o seu impacto”.

Nesta primeira fase, vão ser distribuídos, por cada um dos concelhos, 5 000 folhetos, que têm uma versão em inglês para sensibilizar os turistas, e afixados cartazes em edifícios públicos.

A CIM Região de Coimbra integra os municípios de Arganil, Cantanhede, Coimbra, Condeixa-a-Nova, Figueira da Foz, Góis, Lousã, Mealhada, Mira, Miranda do Corvo, Montemor-o-Velho, Mortágua, Oliveira do Hospital, Pampilhosa da Serra, Penacova, Penela, Soure, Tábua e Vila Nova de Poiares.

 

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com