Coimbra  11 de Dezembro de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Hospital da Fundação ADFP ainda aguarda acordos com SNS

4 de Dezembro 2019

Foi com “imensa satisfação e frustração” que Jaime Ramos, presidente da Fundação ADFP, falou às cerca de 400 pessoas que marcaram presença no almoço de Natal organizado para dirigentes, funcionários, colaboradores e utentes.

“Satisfação porque construímos e equipamos o Hospital, frustração porque lidamos com políticos que estão cegos, surdos e mudos perante a nossa iniciativa para reduzirmos o sofrimento das pessoas com pouco acesso à saúde”, afirmou Jaime Ramos, uma vez que o Hospital Compaixão continua a aguardar acordos de cooperação com o Serviço Nacional de Saúde (SNS) para poder iniciar actividade.

“Construímos o Hospital com orçamento de sete milhões de euros, em termos técnicos o melhor e mais bem equipado Hospital sem fins lucrativos do Centro, com equipamento de topo, de última geração tecnológica, que está a apodrecer sem ser utilizado pelas pessoas que precisam. Até agora nenhum dos membros do Governo o visitaram porque foi construído por uma instituição sem fins lucrativos num pequeno concelho. Se fosse um hospital construído por chineses ou americanos, numa grande cidade, seria um corrupio de políticos”, acrescentou o presidente da Fundação.

Jaime Ramos frisou, ainda, que a frustração é maior uma vez que não vê “os políticos locais interessados na sua abertura”, considerando “um escândalo que a Administração Regional de Saúde (ARS) só queira camas de convalescença de cuidados continuados em Coimbra, quando não há nenhuma cama dessa tipologia no Pinhal Interior”.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com