Coimbra  28 de Fevereiro de 2021 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Helena Teodósio elogia intervenientes nas eleições presidenciais em Cantanhede

25 de Janeiro 2021 Jornal Campeão: Helena Teodósio elogia intervenientes nas eleições presidenciais em Cantanhede

As Eleições Presidenciais decorreram no concelho Cantanhede sem qualquer sobressalto e a presidente da Câmara Municipal fez questão de enaltecer “a atitude cívica dos munícipes perante as exigências que foi necessário cumprir devido à pandemia de covid-19. E mesmo se as circunstâncias muito difíceis que o país está a viver chegaram a motivar alguma apreensão em alguns sectores, sempre confiei que as pessoas respeitariam integralmente as regras instituídas, como efectivamente veio a acontecer no nosso município”, sublinhou.

Helena Teodósio considerou que “o modo como o processo foi organizado contribuiu muito para isso, sobretudo pelo extremo rigor e cuidado com que os serviços camarários e as juntas de freguesia preparam toda a logística, desta vez com as precauções impostas pela necessidade de se acautelar a segurança dos eleitores”. A autarca agradeceu a todas as pessoas e entidades “que ajudaram a criar condições irrepreensíveis para que o acto tivesse decorrido exemplarmente, nomeadamente aos funcionários da Câmara Municipal, aos presidentes de Junta de Freguesia, à GNR e às equipas das mesas de voto, que desta vez tiveram que se sujeitar ao desconforto de um dia inteiro com máscara, para além do trabalho inerente à implementação das medidas tendentes a garantir a segurança sanitária nos termos estabelecidos. De resto, adiantou Helena Teodósio, “todos os elementos dessas equipas foram sujeitos a testagem epidemiológica antes do acto eleitoral e foi prevista nova testagem no final”.

A líder do Executivo camarário cantanhedense considerou que, “apesar de as filas não se terem alongado como seria expectável nas circunstâncias actuais, teria sido útil mais votos antecipados, até porque a Câmara Municipal preparou atempadamente todos os mecanismos para isso”, e lembrou a propósito que no “concelho de Cantanhede votaram antecipadamente 453 dos 496 inscritos, dos quais 54 doentes do Hospital Rovisco Pais e 27 em confinamento”.

Para Helena Teodósio “as eleições presidenciais demonstraram que a nossa comunidade já interiorizou o que é necessário fazer para vencer o combate à covid-19 e está motivada para evitar os comportamentos de risco, o que é particularmente importante nesta fase em que o país está confrontado com um crescente aumento de casos positivos e os hospitais estão na eminência de ruptura”, e apelou para que “as autoridades de saúde acelerem rapidamente o processo de vacinação, de inverter-se de uma vez por todas a evolução desta tragédia que se abateu sobre o mundo”.